Escolha as suas informações

Quartos-de-final, hoje: Portugal obrigado a vencer a Polónia para alimentar o sonho de chegar à final
Ricardo Quaresma quer voltar a festejar a vitória frente à Polónia

Quartos-de-final, hoje: Portugal obrigado a vencer a Polónia para alimentar o sonho de chegar à final

Foto: AFP
Ricardo Quaresma quer voltar a festejar a vitória frente à Polónia
Desporto 3 min. 30.06.2016

Quartos-de-final, hoje: Portugal obrigado a vencer a Polónia para alimentar o sonho de chegar à final

A selecção portuguesa de futebol procura esta quinta-feira garantir a sua quinta meia-final de um Campeonato da Europa, frente à Polónia, que ainda não perdeu no Euro2016 e ’bateu o pé’ à Alemanha na fase de grupos.

A selecção portuguesa de futebol procura esta quinta-feira garantir a sua quinta meia-final de um Campeonato da Europa, frente à Polónia, que ainda não perdeu no Euro2016 e ’bateu o pé’ à Alemanha na fase de grupos.

Depois do duelo com a Croácia, que venceu por 1-0, com um golo de Ricardo Quaresma já nos minutos finais do prolongamento, Portugal vai ter pela frente uma formação polaca que aparece neste Europeu um pouco com a mesma ’receita’ do que a selecção nacional.

A verdade é que a equipa de Fernando Santos, que em quatro jogos não conseguiu somar qualquer vitória no tempo regulamentar, contínua em prova e promete manter o mesmo plano até final, como já confirmou o próprio seleccionador e também alguns jogadores.

Com surpresa, Portugal foi terceiro no seu grupo, atrás da Hungria e da Islândia, respectivamente, e frente à Croácia praticamente abdicou do ataque, acabando por vencer no único lance de real perigo que criou durante toda a partida.

Fernando Santos promoveu quatro alterações no ’onze’ com os croatas, algo pouco habitual nesta fase de um Campeonato da Europa, mas a ’mini-revolução’ acabou por surtir efeito, sobretudo a meio campo.

João Moutinho, a recuperar de problemas musculares e a trabalhar limitado nos últimos dias, dificilmente regressará à equipa titular com a Polónia, apesar de ter sido aposta de Fernando Santos na fase de grupos.

Adrien, que ’secou’ Luka Modric no jogo com a Croácia, deverá manter-se nas opções do seleccionador nacional, que terá a sua maior interrogação em Renato Sanches e no 1-4-4-2 ou 1-4-3-3.

A entrada do médio que o Benfica já vendeu ao Bayern Munique revolucionou o jogo de Portugal na segunda parte, acabando o jovem de 18 anos por ter grande importância no lance que resultou no golo de Ricardo Quaresma.

Outra das dúvidas surge na defesa, com José Fonte a realizar uma excelente exibição no jogo dos oitavos de final, ficando a dúvida se manterá o lugar perante a Polónia ou se Ricardo Carvalho regressará.

Mesmo com um dos melhores pontas de lança da actualidade, a Polónia tem ’imitado’, à sua maneira, o pragmatismo de Portugal, embora já com duas vitórias, e um empate perante a poderosa Alemanha.

Robert Lewandowski ainda não marcou qualquer golo, mas a selecção polaca já alcançou o seu melhor resultado de sempre em Europeus (nunca tinha passado a fase de grupos) e promete dificultar bastante a tarefa dos portugueses.

No Grupo C, bateu Irlanda do Norte e Ucrânia, ambas por 1-0, e anulou a Alemanha, com um 0-0, à base de um bloco defensivo que raramente deixou os germânicos chegarem perto da baliza defendida pelo guarda-redes Fabianski.

O guardião esteve em destaque no jogo dos oitavos-de-final frente à Suíça (1-1, 5-4 nos penáltis), sobretudo na segunda parte, com várias defesas de grande dificuldade, mas os polacos acabaram por ’sobreviver’ nas grandes penalidades.

Além de Lewandowski, destaque para Milik, o marcador das bolas paradas, e para Jakub Blaszczykowski, que já leva dois golos na prova.

O vencedor do embate entre portugueses e polacos jogará a 6 de Julho, uma quarta-feira, o acesso à final face à Bélgica ou ao País de Gales, que medem forças na próxima sexta-feira.

A selecção das ’quinas’ já esteve por quatro vezes em meias-finais do Europeu, em 1984, na estreia, em 2000, em 2004 e em 2012, sendo que só seguiu para o jogo decisivo no Euro2004, que organizou, acabando por perdê-lo face à Grécia (0-1).

Portugal defronta amanhã, quinta-feira, a Polónia nos quartos- de-final do Euro2016, num encontro que decorre em Marselha, no Estádio Vélodrome, com inicio às 21h locais.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Taça das Confederaçôes: Portugal a uma vitória da final
A seleção portuguesa de futebol defronta hoje o Chile em jogo das meias-finais da Taça das Confederações, em Kazan. Pepe e Raphaël Guerreiro são ausências de vulto entre os comandados de Fernando Santos, que querem conquistar o troféu pela primeira vez.
André Silva quer fazer o gosto ao pé frente ao Chile