Escolha as suas informações

Portugal nos 'play-offs' pela quarta vez, desta vez em dose dupla
Desporto 2 min. 15.11.2021
Mundial2022

Portugal nos 'play-offs' pela quarta vez, desta vez em dose dupla

Mundial2022

Portugal nos 'play-offs' pela quarta vez, desta vez em dose dupla

Foto: AFP
Desporto 2 min. 15.11.2021
Mundial2022

Portugal nos 'play-offs' pela quarta vez, desta vez em dose dupla

Lusa
Lusa
Os encontros dos play-offs de apuramento vão ser disputados entre 24 e 29 de março de 2022.

A seleção portuguesa de futebol vai disputar pela quarta vez o acesso a uma grande competição em play-offs, sendo que desta vez terá de ultrapassar dois adversários, a uma mão, para chegar ao Mundial de 2022.

Na corrida aos Mundiais de 2010 e 2014 e, pelo meio, ao Europeu de 2012, Portugal só chegou às respetivas fases finais depois de ultrapassar um play-off, com a Bósnia-Herzegovina nas duas primeiras edições e face à Suécia na última.

Em novembro de 2009, a seleção lusa jogou o acesso ao Mundial de 2010 face aos bósnios e começou com um triunfo por 1-0 na Luz, selado pelo central Bruno Alves, aos 31 minutos. A vantagem não era muito folgada, mas, em Zenica, Portugal voltou a vencer, pelo mesmo resultado, desta vez graças a um golo do médio Raul Meireles, aos 56 minutos.

Dois anos volvidos, o cenário repetiu-se, sendo que, desta vez o play-off com a Bósnia-Herzegovina começou a ser jogado em Zenica, onde se registou um nulo. Na Luz, em 15 de novembro de 2011, a seleção lusa não teve, porem, dificuldades, em conseguir o apuramento, materializado com uma goleada por 6-2, obtida com bis de Cristiano Ronaldo e Hélder Postiga e tentos de Nani e Miguel Veloso.

Para não variar, na qualificação seguinte, para o Mundial de 2014, Portugal também não conseguiu dispensar os play-offs, sendo que, desta vez, o adversário foi a Suécia. Como também é habitual, a Luz foi escolhida para o jogo caseiro e a seleção das 'quinas' entrou a ganhar, graças a um golo tardio (82 minutos) de Cristiano Ronaldo.

O então jogador do Real Madrid realizou, depois, uma portentosa exibição na Suécia, onde, em 19 de novembro de 2013, conseguiu um hat-trick, com golos aos 50, 77 e 79 minutos, que 'anulou' o bis de Zlatan Ibrahimovic, aos 68 e 72.


TOPSHOT - Serbia's defender Strahinja Pavlovic (L) fights for the ball with Portugal's forward Cristiano Ronaldo during the FIFA World Cup Qatar 2022 qualification group A football match between Portugal and Serbia, at the Luz stadium in Lisbon, on November 14, 2021. (Photo by PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP)
Portugal 1:2 Sérvia. Do you feel lucky, punk?
Pobre mais pobre não há: Portugal acaba o jogo com três centrais, dois trincos e é desviado para o play-off do Mundial-2022 por uma valente Sérvia com um golo ao cair do pano.

Desta vez, e depois da 'impensável' derrota caseira face à Sérvia (1-2), Portugal caiu nuns play-offs em que terá de ultrapassar dois adversários, em jogo único, para chegar à fase final do Mundial de 2022, no Qatar.

Face aos 17 pontos conquistados no Grupo A europeu de apuramento, o onze de Fernando Santos será cabeça de série no sorteio de 26 de novembro e anfitrião nas meias-finais. Para a final, a equipa caseira será determinado por sorteio. Os encontros dos play-offs de apuramento vão ser disputados entre 24 e 29 de março de 2022.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Taça das Confederaçôes
A seleção portuguesa de futebol defronta hoje o Chile em jogo das meias-finais da Taça das Confederações, em Kazan. Pepe e Raphaël Guerreiro são ausências de vulto entre os comandados de Fernando Santos, que querem conquistar o troféu pela primeira vez.
André Silva quer fazer o gosto ao pé frente ao Chile
João Moutinho tornou-se hoje, sábado, no quinto jogador da história da seleção portuguesa de futebol a atingir as 100 internacionalizações, ao ser titular frente à Nova Zelândia, na terceira e última jornada do Grupo A da Taça das Confederações.
João Moutinho (esquerda) vai estar ausente por lesão
O selecionador Fernando Santos afirmou esta quinta-feira que o duelo com a Hungria é determinante para Portugal continuar a luta pelo apuramento direto para o Mundial de futebol de 2018 e lamentou a ausência de Nani, devido a lesão.
O técnico português apelou à presença massiva de adeptos na Luz
A selecção portuguesa de futebol é clara favorita a conquistar o Grupo F do Euro2016, um agrupamento em que vai ter pela frente Áustria, Hungria e Islândia, equipas pouco ou nada habituadas a fase finais de grandes competições.
Portugal é o grande favorito no grupo F