Escolha as suas informações

Play-off de futsal: Amicale dá a volta ao resultado e deixa Bettembourg pelo caminho
Desporto 21 2 min. 27.03.2015

Play-off de futsal: Amicale dá a volta ao resultado e deixa Bettembourg pelo caminho

A Amicale Clervaux venceu esta quinta-feira no pavilhão de Bettembourg a equipa local por 4-3 e "carimbou" o passaporte para a fase final do "play-off título" do campeonato de futsal. A equipa nortista deu a volta ao resultado num jogo de grandes emoções.

A Amicale Clervaux venceu esta quinta-feira no pavilhão de Bettembourg a equipa local por 4-3 e "carimbou" o passaporte para a fase final do "play-off" título do campeonato luxemburguês de futsal. A equipa nortista deu a volta ao resultado da primeira mão (2-3) num jogo de grandes emoções.

Num jogo de grande intensidade e espectáculo, a Amicale entrou melhor no encontro deixando claro ao SC Bettembourg que não vinha ao sul para entregar a elimonatória de mão beijada.

Com grande garra e carácter, os nortistas conseguiram intimidar a equipa da casa que sofreu o primeiro golo num excelente apontamento técnico de João Marcos. O golo galvanizou as hostes de Clervaux que esteve perto de dilatar o marcador por várias vezes.

No entanto, o a equipa da casa foi-se recompondo a pouco e pouco e o encontro teve momentos de grande equilíbrio. Lances bem gizados de ambas as partes poderiam ter alterado o marcador para ambos os lados, mas foi a equipa da casa que acabou por igualar a partida por intermédio de Michael Pereira, pouco antes do intervalo.

Na etapa complementar, João Marcos voltou a colocar a Amicale em vantagem, mas o empate (2-2) acabou por surgir por intermédio de Paulo Morais pouco tempo depois. O jogo aqueceu e a contestação às decisões arbitrais por ambas as equipas subiram de tom, o que acabou por resultar na expulsão de ambos os treinadores.

A Amicale conseguiu chegar ao terceiro golo por intermédio de João Marcos ("hat-trick")  que converteu da melhor forma uma grande penalidade. Quando faltava apenas um minuto, Jonhy Sarmento fez de cabeça o quarto golo da formação de Clarvaux,  que foi muito contestado pela equipa do Bettembourg.

A formação nortista ficou com o "pássaro na mão" e nem o terceiro golo do Bettembourg, a 40 segundos do tempo regulamentar, impediu a enorme explosão de alegria entre jogadores e adeptos no final da partida.

Porfírio Marques, treinador do SC Bettembourg neste encontro, queixou-se da arbitragem afirmando que "os árbitros fizeram um péssimo trabalho", dizendo que esta acabou por "ter influência no resultado". "Os meus jogadores tentaram o tudo por tudo, mas não conseguimos ganhar. Tenho que dar os parabéns ao adversário que fez também um grande jogo".

Fora do campeonato o grande objectivo da época para o técnico, "passa pela vitória na final da taça do Luxemburgo frente à ALSS", rematou.

Luís Pereira, treinador da Amicale, era um homem feliz pela vitória que considerou "bastante merecida". "Acreditámos sempre que podíamos vencer e os meus jogadores provaram isso mesmo em campo esta noite". "Estamos todos de parabéns. Vencemos uma grande equipa o que valoriza ainda mais o nosso triunfo", concluiu o técnico luso.

Quem não cabia em si de contente era Filipe Fonseca, o presidente da Amicale Clervaux. O dirigente começou por sublinhar "o grande empenho e garra dos jogadores". "Hoje jogámos com amor à camisola e merecemos a passagem à eliminatória seguinte. Foi um jogo muito disputado frente a uma grande equipa. Tactica e disciplinarmente estivémos muito bem, e os jogadores deram uma grande demonstração de querer e amor ao clube, ao conseguir esta bela vitória", rematou.

Á. Cruz


Notícias relacionadas

Campeão nacional de futsal pode ser conhecido este domingo
O Racing FC Union Luxembourg poderá sagrar-se este domingo campeão nacional de futsal 2017/18, caso vença o segundo jogo da final do campeonato frente à Amicale Clervaux, no Hall Sportif de Reuler. Contudo, a Amicale garante que ainda tem uma palavra a dizer na disputa pelo título.
A final de 2017/8 vai colocar frente a frente os dois melhores marcadores do campeonato: Carlos Soares (Racing) e Norberto "Guri" Ferreira (Clervaux).