Escolha as suas informações

Os 10:0 do FC Porto vs Vitória SC
Desporto 3 min. 26.11.2021
Histórias da bola

Os 10:0 do FC Porto vs Vitória SC

Histórias da bola

Os 10:0 do FC Porto vs Vitória SC

Foto: Manuel Fernando Araújo/Lusa
Desporto 3 min. 26.11.2021
Histórias da bola

Os 10:0 do FC Porto vs Vitória SC

Rui Miguel Tovar
Rui Miguel Tovar
No regresso da 1.ª divisão, um olhar sobre o inacreditável desfecho de um jogo empatado a zero ao intervalo em 1944.

Três semanas depois da última pausa, entre o fiasco da selecção no apuramento directo para o Mundial-2022 e mais uma eliminatória da Taça de Portugal, eis o regresso aos trabalhos na 1.ª divisão com jornada distribuída por cinco dias, a partir de sexta e até terça-feira.

Para quem não se lembra da classificação ao fim de 11 jornadas, Porto é líder, Sporting vice com os mesmos 29 pontos, Benfica em terceiro com 28. Na zona de descida, Belenenses SAD 8, Marítimo 7, Santa Clara 6. E mais, e mais? Porto e Sporting continuam invictos, já o Tondela não sabe ainda o que é empatar.

Coincidência das coincidências, há Sporting vs Tondela no sábado. Antes de mais, duas equipas unidas pela ausência de descidas à 2.ª divisão. Ya, é verdade. Uma vez na 1.ª, nem Sporting nem Tondela se afundam. Vá, o Sporting com mais mérito porque se mantém desde 1934 e o Tondela só entra no escalão maior em 2015.

Depois, o currículo das seis visitas do Tondela ao Estádio José Alvalade até é equilibrado, com três empates – os dois primeiros na era Petit (ambos vs Jesus), o outro com Pepa (vs Keizer). E se o Tondela tem o natural desejo de surpreender o campeão, o Sporting de Rúben, embalado pelo 3:1 ao Borussia no improvável acesso aos 1/8 final da Liga dos Campeões, sonha em acumular a 11.ª vitória seguida em todas as competições para bater o recorde do clube.

No Dragão, o Porto tem de reagir à derrota em Anfield sob o risco de perder o primeiro lugar. Vem aí o Vitória SC, já vitorioso no Dragão em 2018 num clássico em que o Porto está a ganhar 2:0 ao intervalo e consegue perder por 3:2 com reviravolta de André André (penálti), Tozé e Davidson. E isto do resultado no final da primeira parte em comparação com o da segunda parte assume proporções inacreditáveis, dignas de Guiness, em Dezembro 1944.

É a 4.ª jornada da 1.ª divisão, Benfica já é rei. No Estádio do Lima, os onzes sobem ordeiros. O Porto com Barrigana, Alfredo e Guilhar; Anjos, Romão e Pavia; Lourenço, Araújo, Correia Dias, Pinga e Catolino. O Vitória apresenta-se com Machado; Curado e João; Zeferino, Garcia e José Maria; Arlindo, Miguel, Brioso, Ferraz e Nagona. O árbitro é o lisboeta Andrade Pinto.

O Porto domina de fio a pavio, porque sim, é superior, e também porque o Vitória se vê privado do concurso do médio centro Garcia, lesionado num choque frontal com Pinga. Mesmo com dez elementos, o Vitória segura o nulo até ao intervalo. E na segunda parte? O início é prometedor, com remate potente de Ferraz e defesa impossível de Barrigana. O Porto reage à ousadia vimaranense. Vai daí, toma lá 10:0.


Conta-me como foi da bola
Efemérides e histórias caricatas do futebol pelo jornalista Rui Miguel Tovar.

Sim senhor, acaba 10:0 com 0:0 ao intervalo. Lourenço abre e fixa o marcador entre os minutos 51 e 86. Ao todo, o número 7 assina seis golos. Os outros quatro pertencem a Correia Dias e Catolino, ambos com um bis. Na baliza, Machado. Sim, já o havíamos dito. Pois bem, este Machado é o pai de Manuel Machado. Que tarde ingrata para o campeão do Minho.

Curiosidade extra, o Porto repetiria o 10:0 vs Vitória SC em Dezembro 1953, já nas Antas. Na altura, há 6:0 ao intervalo. Também aí o mesmo jogador faz o primeiro e o último da tarde. É ele, Carlos Duarte. Que factura um hat-trick, tal como Perdigão. Depois, José Maria bisa de penálti e Teixeira bisa de bola corrida.

Sexta-feira

  • Moreirense-Gil Vicente

Sábado

  • Famalicão-Portimonense
  • Arouca-Boavista
  • Belenenses SAD-Benfica

Domingo

  • Marítimo-Paços
  • Sporting-Tondela
  • FC Porto-Vitória SC

Segunda-feira

  • Estoril-Santa Clara

Terça-feira

  • Braga-Vizela

(Autor escreve de acordo com o antigo Acordo Ortográfico.)

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas