Escolha as suas informações

No Dubai e em Madrid: CR7 vence mais dois prémios de melhor jogador do ano
Desporto 31.12.2014 Do nosso arquivo online

No Dubai e em Madrid: CR7 vence mais dois prémios de melhor jogador do ano

No Dubai e em Madrid: CR7 vence mais dois prémios de melhor jogador do ano

AFP
Desporto 31.12.2014 Do nosso arquivo online

No Dubai e em Madrid: CR7 vence mais dois prémios de melhor jogador do ano

Cristiano Ronaldo foi na segunda-feira distinguido com o prémio de melhor jogador de 2014 durante a cerimónia dos “Globe Soccer Awards’, no Dubai. No dia seguinte, terça-feira, foi igualmente eleito o melhor futebolista do mundo de 2014 pela revista World Soccer, galardão que lhe foi entregue pelo segundo ano consecutivo.

Este é o segundo ano consecutivo em que o internacional luso leva para casa um prémio na gala do Dubai.

Em 2013, foi distinguido com o galardão de melhor jogador do ano, pouco antes de vencer a Bola de Ouro, e o avançado espera que este prémio seja “um bom sinal”.

“Não estou preocupado com a Bola de Ouro, as pessoas que votam sabem o que têm de fazer. Estou contente, é mais um troféu, resultado de dedicação e trabalho duro. Agradeço aos meus colegas de equipa, ao clube, ao presidente e ao treinador. Tivemos uma época fantástica, vencemos quatro títulos, o que foi importante. Temos uma das melhores equipas”, rematou.

O jogador português foi também o mais votado na revista World Soccer, que juntou um painel de jornalistas especializados.

CR7 ficou à frente do guarda-redes do Bayern de Munique e da selecção alemã, Manuel Neuer, e do avançado do FC Barcelona e da selecção argentina, Lionel Messi.

O melhor de 2014

Cristiano Ronaldo foi distinguido este ano com os prémios de melhor jogador do ano para a Globe Soccer, melhor jogador do campeonato espanhol 2013/14, melhor marcador com 31 golos em 30 jogos e melhor golo (de calcanhar frente ao Valência) e personalidade internacional do ano para a BBC, além de ser um dos três finalistas para a conquista da Bola de Ouro 2014.

Melhor remate de sempre na Liga dos Campeões

Acresce, ainda, que o golo que marcou em 2009 ao FC Porto, no estádio do Dragão, que eliminou a equipa portista nos quartos-de-final da Liga dos Campeões, com um remate a 35 metros da baliza de Helton, foi recentemente considerado pelos adeptos europeus um dos dez melhores de sempre na competição.

 


Notícias relacionadas

Com 34 golos: Messi recebe quarta Bota de Ouro
O futebolista argentino Lionel Messi recebeu esta sexta-feira o quarto prémio de Bota de Ouro da Europa, que distingue o melhor marcador nas ligas europeias, e recusou falar da renovação pelo FC Barcelona.