Escolha as suas informações

Miguel Oliveira vence Grande Prémio de Portugal de MotoGP
Desporto 22.11.2020

Miguel Oliveira vence Grande Prémio de Portugal de MotoGP

Miguel Oliveira

Miguel Oliveira vence Grande Prémio de Portugal de MotoGP

Miguel Oliveira
Foto: AFP
Desporto 22.11.2020

Miguel Oliveira vence Grande Prémio de Portugal de MotoGP

Lusa
Lusa
O piloto português considerou "surreal" vencer o Grande Prémio de Portugal de MotoGP depois de dominar a corrida de início a fim.

O piloto português Miguel Oliveira (KTM) venceu hoje o Grande Prémio de Portugal de MotoGP, 14.ª e última prova do campeonato, disputada no Autódromo Internacional do Algarve.

O piloto luso gastou 41.48,163 minutos para cumprir as 25 voltas ao traçado algarvio, deixando o australiano Jack Miller (Ducati) na segunda posição, a 3,193 segundos, e o italiano Franco Morbidelli (Yamaha) em terceiro, a 3,298 segundos, somando a segunda vitória da temporada.


Miguel Oliveira conquista primeira 'pole position' em MotoGP
É a primeira 'pole position' da carreira do piloto português na categoria rainha do Mundial de velocidade.

Com estes resultados, Miguel Oliveira subiu à nona posição de um campeonato ganho pelo espanhol Joan Mir (Suzuki), que hoje desistiu com problemas mecânicos na sua mota, sagrando-se campeão com apenas uma vitória esta época, enquanto a Ducati venceu o campeonato de construtores.

O piloto português considerou "surreal" vencer o Grande Prémio de Portugal de MotoGP depois de dominar a corrida de início a fim.

"É surreal. Sonhamos com este tipo de corridas. É incrível. Não tenho palavras", disse o piloto de Almada na flash interview após a corrida.

Miguel Oliveira quis expressar a sua "gratidão aos fãs em casa, à equipa Tech3", da qual se despede, seguindo na próxima época para a formação oficial da KTM.

"É o adeus, mas foi um grande dia. É extra especial, porque a minha família não teve oportunidade de ver ao vivo a minha primeira vitória e estão todos aqui. É muito bom acabar a época em alta", concluiu Miguel Oliveira, que hoje deixou o australiano Jack Miller (Ducati) na segunda posição, a 3,193 segundos, e o italiano Franco Morbidelli (Yamaha) em terceiro, a 3,298 segundos, somando a segunda vitória da temporada.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas