Escolha as suas informações

Luso-descendente de 16 anos: Italianos da Cremonese querem contratar Dany Mota ao Pétange
Dany está a um passo de realizar o sonho de ser profissional

Luso-descendente de 16 anos: Italianos da Cremonese querem contratar Dany Mota ao Pétange

Foto: Álvaro Cruz
Dany está a um passo de realizar o sonho de ser profissional
Desporto 2 min. 04.03.2015

Luso-descendente de 16 anos: Italianos da Cremonese querem contratar Dany Mota ao Pétange

O futebolista luso-descendente Dany Mota, de 16 anos, jogador do Pétange (equipa da Promoção de Honra) é actualmente cobiçado por algumas formações estrangeiras profissionais, entre elas a italiana da Unione Sportiva Cremonese, que já teve passagens pela principal Liga de futebol transalpina.

O futebolista luso-descendente Dany Mota, de 16 anos, jogador do Pétange (equipa da Promoção de Honra) é actualmente cobiçado por algumas formações estrangeiras profissionais, entre elas a italiana da Unione Sportiva Cremonese, que já teve passagens pela principal Liga de futebol transalpina.

Dany joga como avançado centro ou extremo e apesar dos seus 16 anos é actualmente titular da equipa sénior do Pétange, actual 5° classificado do segundo escalão do futebol luxemburguês, pela qual já marcou dois golos no campeonato.

Descoberto por Celso Duarte, “scout” da Proeleven – empresa especializada na gestão de carreiras de jogadores de futebol sediada em Lisboa –, Dany efectuou um estágio na Cremonese, em Itália, de 17 a 21 de Fevereiro.

Depois de ter efectuado quatro treinos e um jogo (com a equipa local de sub-19) no qual marcou quatro golos, os treinadores da Cremonese (actualmente na terceira divisão italiana) ficaram agradavelmente surpreendidos pela qualidade do jovem luso-descendente, mostrando interesse imediato na sua contratação.

“O MEU SONHO É SER JOGADOR PROFISSIONAL”

DanyMota disse ao CONTACTO que está a viver “um momento muito especial”.

“Desde pequeno que tenho o sonho de ser jogador profissional de futebol. Depois de ter estado em Itália, a vontade de concretizar esse desejo aumentou”, revelou o jovem jogador que fez toda a sua formação no CS Pétange, tendo passado também pelas selecções jovens do Luxemburgo.

Ao regressar do estágio em Itália, Dany confessou que esperava por uma oportunidade destas há já algum tempo. “Sei que ainda sou novo, mas acredito plenamente nas minhas capacidades. Ter estado a treinar em Itália, num clube completamente profissional, foi muito importante para mim”, disse.

“Há muito que eu queria ver a realidade de um mundo diferente. Felizmente, as coisas correram-me bem e tanto os treinadores como os dirigentes deram imediatamente o aval para a minha contratação”.

“No final do meu estágio, em Itália, os dirigentes disseram-me que eu deverei integrar a formação de sub-19 da Cremonese já a partir do próximo mês de Julho”, revelou o jovem jogador, num sorriso rasgado.

“Agora, só falta o acordo entre os dirigentes da Cremonese e o presidente do CS Pétange, Pascal Wagner”, revelou o jogador.

“DANY É UM DIAMANTE POR DELAPIDAR”

Celso Duarte, scout da Proeleven, descobriu o jogador e acompanhou-o em Itália durante o estágio. O agente desportivo disse ao CONTACTO que o jovem jogador “tem todas as qualidades para triunfar no futebol profissional”. Para Celso Duarte, Dany é “um jogador moderno”. “Tem força, velocidade e técnica, predicados comuns aos grandes jogadores da actualidade”, garantiu ao CONTACTO.

Quanto às negociações entre a Cremonese e o CS Pétange, Celso Duarte assegurou que “o presidente do Pétange, Pascal Wagner, tem-se mostrado aberto às negociações, pelo que estou confiante na transferência do Dany Mota para Itália”.

Á. Cruz


Notícias relacionadas

Dany Mota é cobiçado pela seleção luxemburguesa
Dany Mota tem 19 anos e nasceu no Grão-Ducado. O futebolista português joga há dois anos em Itália e tem sido cobiçado por vários clubes. O jovem jogador já foi abordado para representar a seleção luxemburguesa, mas o seu coração balança entre Portugal e o Luxemburgo.
Dany Mota