Escolha as suas informações

Liga portuguesa de futebol: Benfica e FC Porto aplicam "chapa 3" antes de se defrontarem no Dragão
Jackson Martinez bisou na vitória dos "Dragões" em Coimbra

Liga portuguesa de futebol: Benfica e FC Porto aplicam "chapa 3" antes de se defrontarem no Dragão

LUSA
Jackson Martinez bisou na vitória dos "Dragões" em Coimbra
Desporto 2 min. 07.12.2014

Liga portuguesa de futebol: Benfica e FC Porto aplicam "chapa 3" antes de se defrontarem no Dragão

Benfica e FC Porto aplicaram este sábado “chapa 3” a Belenenses e Académica, respectivamente, mantendo entre ambos a diferença de três pontos, a uma semana de se defrontarem no Dragão, para a 13ª jornada da Liga de futebol.

Benfica e FC Porto aplicaram este sábado “chapa 3” a Belenenses e Académica, respectivamente, mantendo entre ambos a diferença de três pontos, a uma semana de se defrontarem no Dragão, para a 13ª jornada da Liga de futebol.

O líder Benfica venceu o Belenenses, impondo aos “azuis” a primeira derrota ao fim de oito jogos oficiais, com golos de Lima, aos 64 minutos, Enzo Pérez, na marcação de uma grande penalidade, aos 70, e Sálvio, aos 83.

A resistência da formação do Belenenses durou cerca de uma hora, até que, na sequência de um canto, Lima, que não marcava desde a sexta jornada, a 27 de setembro, no estádio da Amoreira, frente ao Estoril, colocou os “encarnados” em vantagem.

A partir daí, a partida sofreu uma metamorfose total, com o Benfica a ter finalmente espaços para meter velocidade no seu jogo, o que permitiu até que a inspiração tocasse alguns dos melhores jogadores “encarnados”.

Eduardo Salvio esteve em destaque na vitória dos encarnados na Luz
Eduardo Salvio esteve em destaque na vitória dos encarnados na Luz
LUSA

Depois de os “encarnados” terem resolvido praticamente o encontro com o golo de Enzo Pérez, na marcação de uma grande penalidade, aos 70 minutos, Sálvio sentenciou a partida com o 3-0, na sequência de um lance espetacular de Gaitán.

Em Coimbra, dois golos de Jackson Martinez, aos 13 e 24 minutos, que contribuíram para isolar o colombiano na liderança da lista dos melhores marcadores, com 10, cedo deram ao FC Porto a vantagem no jogo com a Académica.

Com este triunfo, o FC Porto ascendeu à condição ao segundo lugar da Liga, com 28 pontos, a três do Benfica (31), mas com mais um jogo do que o Vitória de Guimarães (3º), que domingo defronta o Sporting de Braga.

Em Vila do Conde, Rio Ave e Gil Vicente ficaram-se por um empate sem golos, numa partida em que o resultado espelha as dificuldades na finalização de ambos os conjuntos.

Os vila-condenses, que com esta igualdade se mantêm no oitavo lugar, até foram superiores, e no primeiro tempo tiveram as melhores oportunidades, perante um Gil Vicente que, apesar de ainda não ter vencido esta época, mostrou melhorias no seu futebol, sendo premiado com um ponto para a fuga à despromoção.

O Estoril-Praia bateu em casa o Vitória de Setúbal por 1-0, com um golo do cabo-verdiano Kuca, aos 27 minutos, somando a terceira vitória no campeonato - a segunda no seu terreno - e ascendeu ao 10º lugar, com 14 pontos.

O Vitória de Setúbal, por seu lado, somou o terceiro jogo sem vencer e, à 12ª jornada, o conjunto liderado pelo treinador Domingos Paciência ainda não conseguiu vencer fora do seu estádio.

A 12ª jornada da Liga prossegue domingo, com os jogos Arouca-Penafiel, Moreirense-Paços de Ferreira e encerra segunda-feira com o Nacional-Marítimo.

 


Notícias relacionadas