Escolha as suas informações

Liga espanhola da futebol: "Hat-trick" de Cristiano Ronaldo mantém Real na corrida ao título
Desporto 2 min. 02.05.2015

Liga espanhola da futebol: "Hat-trick" de Cristiano Ronaldo mantém Real na corrida ao título

Mais três golos para o melhor do mundo

Liga espanhola da futebol: "Hat-trick" de Cristiano Ronaldo mantém Real na corrida ao título

Mais três golos para o melhor do mundo
Foto: REUTERS
Desporto 2 min. 02.05.2015

Liga espanhola da futebol: "Hat-trick" de Cristiano Ronaldo mantém Real na corrida ao título

Um ‘hat-trick’ do internacional português Cristiano Ronaldo permitiu hoje ao Real Madrid vencer por 3-2 no reduto Sevilha e manter-se na corrida à vitória na Liga espanhola de futebol.

Um ‘hat-trick’ do internacional português Cristiano Ronaldo permitiu hoje ao Real Madrid vencer por 3-2 no reduto Sevilha e manter-se na corrida à vitória na Liga espanhola de futebol.

O ‘7’ dos ‘merengues’ marcou aos 36, 37 e 69 minutos, o primeiro e o terceiro de cabeça, passando a contar 42 tentos na prova, mais dois do que o argentino Lionel Messi, que o ultrapassar à condição no 8-0 do ‘Barça’ em Córdoba.

Os tentos da formação da Andaluzia foram apontados pelo colombiano Carlos Bacca, aos 45+2 minutos, na transformação de uma grande penalidade, e Vicente Iborra, aos 79.

Na equipa da casa, que ainda não tinha perdido como anfitriã e quase chegou ao empate na parte final, foram titulares Daniel Carriço e Diogo Figueiras (saiu aos 70 minutos), tal como Cristiano Ronaldo e Pepe nos forasteiros. Com este resultado, e quando faltam três jornadas para o fim da prova, o Real Madrid passou a contar 85 pontos, contra 87 do FC Barcelona.

Em Córdoba, o ‘onze’ de Luis Enrique só inaugurou o marcador aos 42 minutos, mas ainda chegou aos oito, dois apontados pelo argentino Lionel Messi (47 e 80). O uruguaio Luis Suárez também esteve em destaque, com o seu primeiro ‘hat-trick’ pelo ‘Barça’ (45+2, 53 e 88 minutos), com os outros tentos a serem marcados pelo croata Ivan Rakitic (42), Piqué (65) e Neymar (85), num penálti que Messi ‘deixou’ o brasileiro marcar, abdicando do ‘hat-trick’.

O FC Barcelona igualou a maior goleada da ‘era’ Guardiola (8-0 em Almeria, a 20 de Novembro de 2010), que, então, empatava a maior vitória de sempre fora do clube (8-0 ao Las Palmas, a 25 de outubro de 1959, com três de Suárez).

Quanto ao Córdoba, que contou com o português Bebé de início (saiu aos 65 minutos), está matematicamente despromovido. Também hoje, o campeão Atlético de Madrid, terceiro classificado, ficou-se por um empate a zero na receção ao Athletic, passando a somar 76 pontos, contra 69 do Sevilha e outros tantos do Valência (recebe domingo o Eibar).

A 35ª ronda da Liga espanhola arrancou sexta-feira, com o triunfo caseiro da Real Sociedad sobre o Levante (3-0), e fecha apenas na segunda-feira.


Notícias relacionadas