Escolha as suas informações

João Sousa sobe dois lugares em ranking liderado por Djokovic
Desporto 12.08.2019

João Sousa sobe dois lugares em ranking liderado por Djokovic

João Sousa sobe dois lugares em ranking liderado por Djokovic

Foto: REUTERS
Desporto 12.08.2019

João Sousa sobe dois lugares em ranking liderado por Djokovic

O número um nacional, que no domingo foi eliminado pelo japonês Yoshihito Nishioka na fase de qualificação para o Masters 1.000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, tem como melhor resultado no ranking mundial o 28.º lugar alcançado em maio de 2016.

O português João Sousa subiu dois lugares no ranking mundial de ténis, passando a ocupar a 43.ª posição de uma classificação que foi hoje divulgada e continua a ser liderada pelo sérvio Novak Djokovic.

João Sousa, de 30 anos, continua a ser o único tenista português no ‘top 100’ da hierarquia da ATP, até porque Pedro Sousa, o segundo melhor representante luso, desceu 35 lugares, para o 148.º posto, enquanto João Domingues ocupa o 174.º, depois de ter subido um lugar nesta atualização.

Djokovic permanece como líder do ranking mundial, à frente do espanhol Rafael Nadal e do suíço Roger Federer, segundo e terceiro classificados, respetivamente.

O italiano Fabio Fognini foi o único tenista a entrar nos 10 primeiros colocados, por troca com o sul-africano Kevin Anderson, ocupando, precisamente, o 10.º posto, enquanto o grego Stefanos Tsitsipas caiu duas posições, para sétimo, tendo sido ultrapassado pelo japonês Kei Nishikori (quinto) e o alemão Alexander Zverev (sexto).

No ranking feminino, a japonesa Naomi Osaka desalojou do comando a australiana Ashleigh Barty, recuperando o estatuto de número um mundial que tinha perdido em junho, enquanto a checa Karolina Pliskova manteve-se no terceiro lugar.

Lusa

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

'Ranking' da FIFA: Portugal cai para o sétimo lugar
A selecção portuguesa de futebol ‘caiu’ esta quinta-feira três lugares, para o sétimo posto do ‘ranking’ da FIFA, que continua a ser liderado pela Bélgica, à frente de Argentina e Espanha, segunda e terceira, respectivamente.
A equipa das 'quinas' voltou a descer no 'ranking' da FIFA