Escolha as suas informações

Fotogaleria. Meninas da equipa de futebol afegã já treinam nos campos portugueses
Desporto 21 2 min. 01.10.2021
Refugiadas

Fotogaleria. Meninas da equipa de futebol afegã já treinam nos campos portugueses

Equipa feminina afegã
Refugiadas

Fotogaleria. Meninas da equipa de futebol afegã já treinam nos campos portugueses

Equipa feminina afegã
Foto: AFP
Desporto 21 2 min. 01.10.2021
Refugiadas

Fotogaleria. Meninas da equipa de futebol afegã já treinam nos campos portugueses

Ana TOMÁS
Ana TOMÁS
As jovens refugiadas conseguiram asilo no país, onde chegaram há uma semana, e puderam, finalmente, voltar aos treinos.

Forçadas a fugir do Afeganistão após a tomada do poder pelos Talibãs, no passado mês de agosto, as jogadoras da equipa de futebol da seleção nacional feminina de juniores encontraram em Portugal, não apenas um refúgio, mas a possibilidade de voltarem a pisar os relvados e darem continuidade à sua paixão.

No final desta semana, as jovens puderam voltar a treinar, num campo relvado, em Odivelas, nos arredores de Lisboa.


As jovens, que vieram para Portugal, há uma semana, acompanhadas de alguns dos seus familiares e que agradeceram ao país com um sonoro 'obrigado', em português, tiveram também outra surpresa: a visita da capitã da seleção nacional feminina de futebol do Afeganistão, Farkhunda Muhtaj, que vive no Canadá, mas esteve em Lisboa para dar as boas-vindas às colegas de equipa e treinar com elas.   

Para a jogadora sénior, as jovens, com idades entre os 14 e os 19 anos, foram particularmente "resilientes", por isso não escondeu a emoção ao vê-las pessoalmente na capital portuguesa. "Estou tão orgulhosa. Elas merecem isto e vão ter aqui um futuro fantástico", disse Farkhunda Muhtaj, citada pela Euronews, deixando agradecimentos a Portugal, "uma nação fantástica" e país de Cristiano Ronaldo, por ter proporcionado o acolhimento.

"Sem vocês, nada disto seria possível", disse, dirigindo-se aos portugueses e agradecendo  o "impacto" que este acolhimento terá na vida destas jovens.

Esta sexta-feira,  Farkhunda Muhtaj encontrou-se com a equipa feminina do Benfica e levou a camisola número 10 com o seu nome.

  SC Salgueiros pronto para acolher as refugiadas afegãs  

A situação das meninas afegãs apaixonadas por futebol tem gerado a simpatia e solidariedade dos clubes de futebol portugueses.


Equipa de futebol afegã consegue asilo em Portugal
Grupo de jovens e as famílias aterraram em Lisboa no passado domingo.

 A equipa de futebol feminino do Sport Comércio e Salgueiros, ficou sensibilizada com a situação das jovens e, sabendo que muitas deveriam ser colocadas no Porto, pediu à direção do clube para as acolher.

 "A direção do Sport Comércio e Salgueiros foi alertada por um pedido da equipa de futebol feminino. Elas [jogadoras] ficaram muito sensibilizadas com a situação das refugiadas afegãs que o nosso país acolheu, muitas delas também jogadoras de futebol", disse ao site MaisFutebol o presidente do clube Gil Almeida.

 O clube já contactou as entidades competentes e oficializou a sua disponibilidade para receber as jovens no seu campo de futebol e "permitir que continuem a fazer o que mais gostam numa fase tão sensível das suas vidas: jogar futebol", afirmou.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Jean Ketter foi recentemente distinguido pela Fundação Robert Krieps com o prémio para a melhor tese de mestrado escrita no Grão-Ducado. O jovem luxemburguês, docente no Liceu Técnico de Ettelbruck, recebeu um prémio pecuniário de 2.500 euros pelo trabalho de investigação “Influência do futebol de rua e de clubes sobre a inclusão e a identificação dos imigrantes”, obra que deverá ser editada em setembro.
Jean Ketter iniciou-se no futebol aos sete anos. Jogou até aos 13 edepois começou apraticar basquetebol. Hoje, odocente do Liceu Técnic odeEttelbruck é jogador da equipa principal do Laroche tte, mas continu a ajogar futebol com os amigos