Escolha as suas informações

FIA procura jovem estrela para mundial de 2026
Desporto 2 min. 20.11.2021
Motor Show

FIA procura jovem estrela para mundial de 2026

Motor Show

FIA procura jovem estrela para mundial de 2026

Foto: AFP
Desporto 2 min. 20.11.2021
Motor Show

FIA procura jovem estrela para mundial de 2026

Madalena QUEIRÓS
Madalena QUEIRÓS
Um jogo para escolher pilotos profissionais a que podem concorrer todos os jovens entre os 17 e os 26 anos.

A Federação Mundial de Automobilismo (FIA) promove este fim-de-semana um concurso para encontrar jovens condutores no Luxemburgo. Os candidatos são selecionados através do jogo de vídeo WRC 9 até domingo. Objectivo: encontrar a nova estrela para as competições internacionais. 

Os participantes escolhidos são os que demonstrarem uma maior perícia no simulador . Os jovens luxemburgueses entre os 17 e os 26 anos podem ir ao Salão Internacional do Automóvel para tentar  a sua sorte até domingo.

Os aspirantes a  condutor de rally  têm de entrar num simulador, com um banco, volante e pedais, que reproduz quase as mesmas condições num carro (menos os choques). "Esta é a primeira vez que se cria um programa de detecção de condutores que vai desde um assento virtual a um verdadeiro carro de rali. Sentimos que chegou o momento de dar uma oportunidade aos melhores jogadores e de os fazer passar do jogo de vídeo para as corridas reais", explica Bryan To, assistente do gestor de projectos na FIA à RTL. 

Participar no mundial de 2026 é o objetivo

Como membro da Autoridade Nacional Desportiva (ASN) e, portanto, representante da FIA no Luxemburgo, o ACL (Automóvel Clube do Luxemburgo) aderiu ao projecto. "Os jovens condutores têm todas as hipóteses de se tornarem profissionais através da digitalização", diz Florian Brouir, coordenador desportivo da ACL. "Isto tem sido feito há alguns anos, especialmente no mundo das corridas. Ricardo Sánchez começou no jogo Gran Turismo ao tornar-se um condutor para a Nissan, por exemplo". Este novo programa da FIA chamado  'Rally Star' decorrerá todos os anos, até 2026. 

A primeira etapa é esta exposição a nível mundial que está actualmente a ser realizada na LuxExpo, durante o Salão Automóvel Internacional que decorrer até domingo.

Quarenta e oito países estão a participar no programa. Em Kirchberg, os quatro melhores condutores do fim-de-semana (incluindo uma mulher) qualificar-se-ão para uma das finais continentais, que terão lugar em Janeiro de 2022 na Alemanha onde conduzirão máquinas reais.

Os vencedores de cada final continental irão juntar-se à equipa FIA Rally Star para uma época de treino com início em 2023. Os melhores competirão no WRC Junior durante duas temporadas em 2024 e 2025 num Ford Fiesta da equipa M-Sport. Quem ganhar o título poderá competir na temporada 2026 na WRC2, a "segunda divisão" dos campeonatos mundiais, sendo a categoria superior, claro, a WRC, onde competem os melhores pilotos da disciplina. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.