Escolha as suas informações

Fórmula 1: Hamilton ganha na Alemanha e volta a liderar o Mundial

Fórmula 1: Hamilton ganha na Alemanha e volta a liderar o Mundial

Foto: AFP
Desporto 2 min. 22.07.2018

Fórmula 1: Hamilton ganha na Alemanha e volta a liderar o Mundial

Dobradinha da Mercedes com Bottas em segundo, mas vitória do britânico esteve sob investigação por causa de uma manobra e a FIA repreendeu o piloto. Raikkonen (Ferrari) foi terceiro num Grande Prémio marcado pela desistência de Vettel que se despistou na volta 52, numa altura em que começou a chover, quando liderava a prova.

 O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) venceu o Grande Prémio da Alemanha em Fórmula 1, realizado no circuito de Hockenheim, após notável recuperação e erro de Sebastian Vettel (Ferrari) quando liderava, na volta 52 das 67. Valtteri Bottas (Mercedes) e Kimi Raikkonen (Ferrari) completaram o pódio. 

No entanto, a vitória do britânico esteve sob investigação dos comissários porque, na altura em que Vettel se despistou, Hamilton recebera indicações para ir à box, chegou a desviar-se para lá ir, mas, tendo a informação de que Raikkonen estava na box da Ferrari, voltou à pista, passando por cima da relva e do traço de divisão para a pista. Hamilton acabou por ser repreendido pela FIA, embora não lhe fossem retirados pontos. 

Autor da 55ª pole position da carreira, Vettel assumiu a liderança desde o início com excelente partida, enquanto Lewis Hamilton, cujo carro tivera problemas na qualificação e partira do 14º posto na grelha, voltava a realizar excelente recuperação, tal como sucedera na prova anterior em Silverstone: à 15ª volta já era sexto posicionado.

À 26ª volta, Vettel foi à box trocar de pneus, deixou Bottas no comando e regressou no quarto posto, três segundos à frente de Hamilton. Daniel Ricciardo (Red Bull) abandonou com problemas à 29ª volta, altura em que Bottas entrou na box da Mercedes para trocar de pneus. Pouco depois, os primeiros lugares eram já ocupados por Raikkonen, Vettel e Hamilton.

A 26 voltas do fim, Hamilton parou para mudar pneus, regressando à pista como quinto posicionado, atrás de Verstappen (Red Bull), a mais de 12 segundos de Vettel que voltara a liderar, à frente de Raikkonen. A chuva fez a sua aparição e, na volta 52, aconteceu o inesperado: Vettel saiu em frente numa curva e teve de desistir (primeiro abandono desde o Grande Prémio do Japão da temporada anterior). O safety car entrou em pista, Raikkonen foi à box e deixou Hamilton no comando.

A dez voltas do final, o safety car deixou a pista e Bottas atacou o comando do companheiro de equipa com Raikkonen por perto. O britânico respondeu com a volta mais rápida (1m15s745 e, mais tarde, 1m15s708 e 1m15s545), mantendo Bottas e Raikkonen à distância.

Na classificação geral, Hamilton voltou a desalojar Vettel do comando: soma 188 pontos contra 171 do alemão, seguindo-se Raikkonen (131) e Bottas (122). Em Construtores lidera a Mercedes com 310, à frente da Ferrari (302) e da Red Bull (211).

A próxima etapa do Mundial realiza-se dia 29 na Hungria.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Fórmula 1: Vettel impõe-se na Bélgica
Alemão da Ferrari foi o primeiro a cortar a meta em Spa, no regresso do Mundial após a pausa de verão. Hamilton e Verstappen completaram o pódio. Veja a fotogaleria com o aparatoso acidente que envolveu Hulkenberg e Alonso, mas não causou danos aos pilotos.
Vettel ganha em Silverstone
Piloto alemão da Ferrari dilatou a vantagem no Mundial sobre Hamilton (Mercedes) que foi segundo, seguindo-se Kimi Raikkonen (Ferrari).
Vettel começa época a vencer
Alemão da Ferrari impôs-se na primeira etapa do Mundial de Fórmula 1 que decorreu na Austrália. Hamilton (Mercedes) e Raikkonen, também da Ferrari, completaram o pódio.