Escolha as suas informações

Euro2020. Fernando Santos diz que Alemanha e França eram as indesejadas do sorteio
Desporto 30.11.2019

Euro2020. Fernando Santos diz que Alemanha e França eram as indesejadas do sorteio

Euro2020. Fernando Santos diz que Alemanha e França eram as indesejadas do sorteio

Foto: Lusa
Desporto 30.11.2019

Euro2020. Fernando Santos diz que Alemanha e França eram as indesejadas do sorteio

"Ninguém desejava estas equipas. Portugal não desejava, mas também Alemanha e França não desejavam Portugal.", disse.

O selecionador Fernando Santos afirmou hoje que Alemanha e França eram as equipas indesejadas no sorteio da fase de grupos do Euro2020 de futebol, mas lembrou que Portugal é uma seleção "difícil de vencer".

"Ninguém desejava estas equipas. Portugal não desejava, mas também Alemanha e França não desejavam Portugal. Do terceiro pote, ninguém queria Portugal. Foi o sorteio. Juntou dois favoritos e um candidato. Vamos preparar bem o torneio, vamos ver o que vai dar e lembrar que ainda há uma quarta equipa, que não sabemos quem será", afirmou Fernando Santos.

O selecionador nacional falava aos jornalistas em Bucareste, após o sorteio da fase final do próximo Europeu, que juntou no grupo F Portugal, Alemanha e França e uma seleção vinda do 'play-off'.

"Tinha um 'feeling' de que este podia ser o nosso grupo. Pensei que podia acontecer e aconteceu. Não é por apanhar Alemanha e França que deixamos de ser candidatos. Estas equipas conhecem-se bem. Vai ser um confronto entre três grandes equipas. Portugal tem a convicção que pode jogar contra qualquer adversário. Não é fácil ganhar a Portugal e eles sabem disso", referiu.

Fernando Santos revelou que a seleção nacional, durante a competição, deverá ficar situada na zona de Budapeste, uma das cidades que vai receber os jogos do grupo F, juntamente com Munique.

"Baku seria a cidade mais difícil a nível logístico. Bilbau e Dublin seriam melhores para nós. Poderíamos ficar na Cidade do Futebol, poderíamos ficar em casa. Em princípio, iremos adotar Budapeste. A nível de viagens, o grupo é melhor. Na Alemanha, esperamos ter muito emigrantes a apoiar", concluiu.

A fase final realiza-se de 12 de junho a 12 de julho, em 12 cidades, de 12 países, com arranque no Estádio Olímpico de Roma e fase final no Estádio de Wembley, em Londres, que será palco das meias-finais e da final.

Lusa


Notícias relacionadas

Entre candidatos e favoritos
Depois do título europeu conquistado em França, em 2016, o sonho de ser campeões do Mundo na Rússia paira nas cabeças de muitos portugueses, com certa legitimidade, embora a tarefa seja muito mais complicada que há dois anos. Quanto a isso, que nenhum adepto se iluda, porque a realidade é esta.
Depois da vitória do Europeu de 2016, Portugal vai tentar a conquista do Mundial de 2018.