Escolha as suas informações

Confederações: Portugal bate Rússia e México vence Nova Zelândia
Cristiano Ronaldo ade cabeça fez o golo do triunfo português

Confederações: Portugal bate Rússia e México vence Nova Zelândia

Foto: Reuters
Cristiano Ronaldo ade cabeça fez o golo do triunfo português
Desporto 17 2 min. 21.06.2017

Confederações: Portugal bate Rússia e México vence Nova Zelândia

A seleção portuguesa de futebol deu hoje um passo de gigante rumo às meias-finais da Taça das Confederações, ao vencer a anfitriã Rússia por 1-0, em encontro da segunda jornada do Grupo A, em Moscovo.

A seleção portuguesa de futebol deu hoje um passo de gigante rumo às meias-finais da Taça das Confederações, ao vencer a anfitriã Rússia por 1-0, em encontro da segunda jornada do Grupo A, em Moscovo.

Cristiano Ronaldo marcou aos oito minutos, de cabeça, depois de um centro de Raphäel Guerreiro, o único golo do encontro, o seu 74.º em 141 internacionalizações ‘AA’, o 13.º em 2016/17 (oito jogos) e o sexto em 2017 (cinco).

No outro jogo do grupo, o México venceu esta noite a Nova Zelândia, por 2-1, e assumiu hoje a liderança do Grupo A da Taça das Confederações em futebol, com os mesmos quatro pontos de Portugal.

A formação da Oceânia chegou ao intervalo na frente, com um tento de Chris Woods, aos 42 minutos, mas os mexicanos viraram o resultado na segunda parte, com tentos do benfiquista Raúl Jiménez, aos 54, e de Oribe Peralta, aos 72.

Com este resultado, o México é primeiro, com quatro pontos (4-3 em golos), seguido de Portugal, também com quatro (3-2), da Rússia, com três, e da Nova Zelândia, que ainda não pontuou e está fora das meias-finais.

"Somos uma equipa com personalidade"

No final do encontro entre Portugal e a Rússia, em declarações à ‘flash-interview’ da RTP, Fernando Santos, selecionador de Portugal, referiu que “fez a diferença (marcar golo aos oito minutos) e também não sofrer nenhum golo".

"Em alguns aspetos de jogo que não estivemos tão bem (no empate 2-2 com o México), hoje já foi melhor. Somos uma equipa com personalidade, que sabe ter a bola e atacar, mas também é muito forte a defender. Sem ter de recuar muito e ser muito forte nas transições. Foi assim que conquistámos o Campeonato da Europa. Hoje, foi assim e vai continuar a ser assim", afirmou o selecionador português.

"Estivemos bem, melhorámos a capacidade de jogo. Melhorámos na ação defensiva. Com o México, sofremos dois golos que normalmente esta equipa não sofre. Em posse de bola, a equipa melhorou imenso. Na minha equipa não há (facilitismo com a Nova Zelândia, no sábado). Nem os jogadores deixam. Eles estão comigo sempre”, rematou Fernando Santos.

Guerreiro deve falhar resto da competição devido a fratura num pé

Raphäel Guerreiro deverá falhar o resto da Taça das Confederações e, futebol devido a uma possível fratura no pé esquerdo, ocorrida hoje durante o encontro com a Rússia, que terminou com a vitória de Portugal por 1-0.

“Suspeita-se que seja uma fratura. Pode afetar-lhe o início da época. Estamos tristes, pois é um rapaz fantástico, com muita qualidade. Esperemos que os resultados dos exames no hospital mostrem que não é tão grave”, afirmou o selecionador português, Fernando Santos, após o encontro em Moscovo, da segunda jornada do Grupo A.

O lateral esquerdo, que atua no Borussia Dortmund, foi substituído aos 65 minutos, por Eliseu, e teve que sair do relvado com a ajuda dos médicos da seleção nacional. De seguida, Guerreiro seguiu para um hospital da zona.

(Última atualização às 22:06)

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Taça das Confederaçôes: Portugal a uma vitória da final
A seleção portuguesa de futebol defronta hoje o Chile em jogo das meias-finais da Taça das Confederações, em Kazan. Pepe e Raphaël Guerreiro são ausências de vulto entre os comandados de Fernando Santos, que querem conquistar o troféu pela primeira vez.
André Silva quer fazer o gosto ao pé frente ao Chile