Escolha as suas informações

Campeonato Europeu de corta-mato: Carla Salomé Rocha foi 18ª e a melhor entre os portugueses
Desporto 2 min. 11.12.2016

Campeonato Europeu de corta-mato: Carla Salomé Rocha foi 18ª e a melhor entre os portugueses

Depois de pertencer ao Sporting e ao Benfica, Carla Salomé Rocha corre, hoje, em nome individual

Campeonato Europeu de corta-mato: Carla Salomé Rocha foi 18ª e a melhor entre os portugueses

Depois de pertencer ao Sporting e ao Benfica, Carla Salomé Rocha corre, hoje, em nome individual
Foto: Comité Olímpico Portugal
Desporto 2 min. 11.12.2016

Campeonato Europeu de corta-mato: Carla Salomé Rocha foi 18ª e a melhor entre os portugueses

Carla Salomé Rocha, 18.ª classificada, foi a melhor dos portugueses no Campeonato Europeu de corta-mato, que decorreu em Chia, Itália.

Carla Salomé Rocha, 18.ª classificada, foi a melhor dos portugueses no Campeonato Europeu de corta-mato, que decorreu em Chia, Itália.

A antiga fundista de Sporting e Benfica, que agora corre em nome individual, falhou o objetivo de terminar entre as dez primeiras, mas acabou por ser a melhor representante entre as seleções portuguesas.

Carla Salomé Rocha gastou 26.32 minutos, contra o tempo de 24.46 da nova campeã europeia, a turca Yasemin Can.

O segundo lugar foi para a também turca Meryem Akda, com 24.56, enquanto o terceiro e último lugar do pódio foi ocupado pela norueguesa Karoline Bjerkeli Grovdal, com 25.26.

Inês Monteiro, terceira classificada no Europeu de 2008, em Bruxelas, ficou ‘às portas’ do ‘top 20’, terminando no 21.º lugar, com o tempo de 36.35.

Daniela Cunha, 51.ª, com 27,31 minutos, e Susana Francisco, com 27.52, foram as outras portuguesas em prova.

Na corrida masculina, dos dois atletas portugueses, apenas Hugo Almeida terminou, cortando a meta em 53.º lugar, com o tempo de 30.14 minutos.

O outro representante luso em Chia, Samuel Barata, não terminou.

Tal como sucedeu na corrida feminina, a Turquia também dominou a masculina, colocando dois atletas nos dois primeiros lugares: Aras Kaya (27.39) e Paulat Kemboi Arikan (27.42).

A medalha de bronze foi conquistada pelo britânico Callum Hawkins, com 28.01.

Na corrida de sub-23, o melhor português foi André Pereira, que acabou a corrida na 43.ª posição, com 24.20 minutos, bem distante do vencedor, o belga Isaac Kimeli, cronometrado em 22.48.

Hugo Ganchas, 45.º, com 24.20, João Pereira. 50.º. com 24.32, e Francisco Rodrigues, 64.º. com 26.02, foram os outros portugueses em prova.

Em femininos, no mesmo escalão, Sónia Ferreira, 36.ª, com o tempo de 20.54 minutos, foi a melhor portuguesa, numa corrida que foi ganha pela polaca Sofia Ennaoui, com 18.21.

Silvana Dias fechou o grupo das 50 melhores, com o tempo de 21.56.

Na prova masculina de sub-20, Filipe Vitorino foi o melhor entre os portugueses, com o 58.º posto, com 18.33, seguido por Jorge Moreira, 63.º, com 13.38, Hugo Gil, 64.º, com o mesmo tempo do compatriota, e Filipe Fialho, 66.º, com 18.40.

Venceu esta corrida o norueguês Jakob Ingebrigtsen, com o tempo de 17.06.

Em femininos, no mesmo escalão, Sofia Teixeira foi a melhor entre as portuguesas, terminando em 56.º, com 14.09 minutos, numa proga que o primeiro lugar coi alcançado pela alemã Konstanze Klosterhalfen, com 12.26.

A outra portuguesa em prova, Lilia Martins, foi 58.ª, com 14.11.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

'Ranking' da FIFA: Portugal cai para o sétimo lugar
A selecção portuguesa de futebol ‘caiu’ esta quinta-feira três lugares, para o sétimo posto do ‘ranking’ da FIFA, que continua a ser liderado pela Bélgica, à frente de Argentina e Espanha, segunda e terceira, respectivamente.
A equipa das 'quinas' voltou a descer no 'ranking' da FIFA