Escolha as suas informações

Benfica foi à Madeira golear o Nacional

Benfica foi à Madeira golear o Nacional

Foto: Lusa
Desporto 02.09.2018

Benfica foi à Madeira golear o Nacional

Golos de Seferovic, Salvio, Grimaldo e Rafa garantiram o triunfo para a equipa de Rui Vitória na 4ª jornada da Liga.

Dois golos no primeiro tempo e outros dois no segundo, marcados por Seferovic, Salvio, Grimaldo e Rafa, permitiram que o Benfica saísse da visita ao Nacional, na Madeira, com triunfo por 4-0 e mais três pontos em jogo da 4ª jornada da Liga portuguesa.

Com Jonas e Castillo ainda de fora, Rui Vitória voltou a colocar Seferovic no centro do ataque, mas os madeirenses começaram por equilibrar as operações. A partir do quarto de hora, porém, os benfiquistas assumiram o controlo do encontro, ameaçando mais vezes a baliza contrária. Salvio e Seferovic falharam ocasiões, mas, pouco depois de Fejsa fazer sinal para o banco a pedir substituição por causa de um problema muscular, os visitantes adiantaram-se no marcador: Salvio escapou-se pela direita após vistosa simulação e isolou Seferovic que, entrando pela direita da área, atirou rasteiro e cruzado para o golo (27 m). Dois minutos depois, Fejsa saiu mesmo, entrando Alfa Semedo.

Apesar da substituição e da reação nacionalista, o Benfica continuou a mandar no jogo, espreitou novas possibilidades de marcar e chegou ao 2-0 mesmo sobre a hora para o intervalo quando Salvio correspondeu, de cabeça, a centro por alto de Seferovic que beneficiara de trabalho de recuperação de gedson e passe de Pizzi.

Na segunda parte, os lisboetas passaram a gerir o ritmo e o resultado, procurando manter o adversário à distância, mas o Nacional nunca deixou de buscar o golo e Vlachodimos seria obrigado a duas defesas exigentes, uma a remate de Palocevic (59 m), outra num forte pontapé desferido de fora da área por Vítor Gonçalves (76 m).

Pelo meio, Costinha ainda apostara nas entradas de Witi e Riascos, Vitória retirou o amarelado Cervi (entrou Rafa), mas foi o Benfica que voltou a marcar, num excelente centro de Pizzi que encontrou Grimaldo solto junto ao bico da pequena área sobre a esquerda. O lateral dominou e atirou cruzado com o pé esquerdo (78 m).

A dez minutos do fim, Salvio deu lugar a João Félix e, já nos momentos de compensação, a passe de Pizzi, Rafa isolou-se e picou a bola à saída do guarda-redes Daniel para o 4-0 definitivo.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

FC Porto vence Benfica na Luz e assume a liderança
Golo de Herrera, num remate desferido de fora da área à beira do fim, deixa os portistas mais perto do título com dois pontos de vantagem sobre os tetracampeões. Sporting ganhou ao Belenenses no Restelo (4-3).