Escolha as suas informações

Benfica esmaga Nacional e fica a um ponto do FC Porto
Desporto 3 min. 10.02.2019

Benfica esmaga Nacional e fica a um ponto do FC Porto

Benfica esmaga Nacional e fica a um ponto do FC Porto

Foto: Lusa
Desporto 3 min. 10.02.2019

Benfica esmaga Nacional e fica a um ponto do FC Porto

Goleada por 10-0 depois de o Sporting de Braga também ter vencido o Chaves e ficar a dois pontos dos portistas.

O Benfica esmagou o Nacional por 10-0 (desde 1964 que a equipa não obtinha um resultado tão robusto no campeonato) em desafio relativo à 21ª jornada da Liga portuguesa, perante 54.810 espectadores no Estádio da Luz, aproveitando o empate de sexta-feira do FC Porto na visita ao Moreirense para ficar a um ponto da liderança. 

Antes do encontro foram assinalados os 60 anos de Fernando Chalana, um dos mais genais jogadores benfiquistas e do futebol português, guardando-se depois um minuto de silêncio em memória dos dez jovens que morreram em incêndio no Ninho do Urubu, centro de treinos do Flamengo.

Logo a seguir, o encontro começou de forma frenética, pois aos 33 segundos, após veloz combinação do lado esquerdo entre Seferovic e Grimaldo, o espanhol invadiu a área, atirou por entre as pernas do guarda-redes Daniel e obteve o 1-0. Era o começo de uma noite avassaladora e o 2-0 só não chegou aos 14 minutos porque Daniel defendeu o remate de Pizzi.

Mas o resultado iria ser ampliado aos 21 minutos, por intermédio de Seferovic, depois de um golo anulado a Rafa devido a fora de jogo: Gabriel roubou a bola na intermediária, cedeu a João Félix, este desmarcou o suíço de imediato e o avançado, isolado perante o guardião, tocou a bola por cima deste para o 2-0. Seis minutos mais tarde, Seferovic chegou ao 3-0, encostando com o pé esquerdo à boca da baliza um centro de André Almeida do lado direito. 

O Nacional não conseguia resistir à velocidade do futebol dos lisboetas e apenas a dois minutos do intervalo conseguiu rematar à baliza de Vlachodimos, mas o cabeceamento de Júlio César foi para as mãos do guarda-redes.

Na segunda parte, o Benfica continuou a exercer intenso domínio sobre o adversário e voltou aos golos bem cedo: aos 50 minutos, João Félix cabeceou para o 4-0 na sequência de livre de Pizzi. O mesmo Pizzi sofreu falta para penalty e, da marca dos 11 metros, obteve o 5-0 aos 54 minutos. Aos 56, num pontapé de canto de Pizzi, o jovem central Ferro cabeceou para o 6-0.

Bruno Lage trocou Samaris por Florentino Luís, promovendo a estreia do jovem jogador (62 m) e, aos 64 minutos, outro livre de Pizzi deixou Rúben Dias à vontade para colocar o resultado em 7-0.

Mais tarde, João Félix deu lugar a Krovinovic (68 m) e Jonas regressou, substituindo Seferovic (73 m). E foi o brasileiro quem, a cinco minutos do fim, num livre, marcou o 8-0. Mas o martírio de Daniel e companhia ainda não estava terminado, pois, aos 88 minutos, Rafa chegou aos 9-0 a passe de Pizzi. E, já nas compensações, Jonas bisou, encerrando o resultado num invulgar 10-0. 

Sporting de Braga derrota Chaves

Antes já o Sporting de Braga reduzira para dois pontos a diferença em relação ao FC Porto, batendo o Sporting de Braga por 2-1, embora começasse por estar em desvantagem. Luís Martins marcou para os flavienses aos 51 minutos, mas Dyego Sousa (64 m) e Claudemir (81 m) operaram a reviravolta. 

Festa acabou por ser minhota frente ao Desportivo de Chaves.
Festa acabou por ser minhota frente ao Desportivo de Chaves.
Foto: Lusa

Noutro encontro de hoje, o Boavista venceu o Santa Clara por 1-0, com um golo de penalty apontado por Rafael Costa.

A partir das 21:00, o Sporting jogará como visitante do Feirense. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Benfica oferece empate ao Belenenses
Jonas e Samaris deram vantagem de 2-0, mas dois erros clamorosos de Vlachodimos e Rúben Dias entregaram a Diogo Viana e Kikas a igualdade. Equipa da Luz foi alcançada no comando pelo FC Porto.