Escolha as suas informações

Benfica é tetracampeão
Desporto 3 min. 13.05.2017 Do nosso arquivo online
I Liga

Benfica é tetracampeão

Pela primeira vez na sua história, o Benfica alcança o tetracampeonato
I Liga

Benfica é tetracampeão

Pela primeira vez na sua história, o Benfica alcança o tetracampeonato
Foto: Lusa
Desporto 3 min. 13.05.2017 Do nosso arquivo online
I Liga

Benfica é tetracampeão

O Benfica sagrou-se hoje, pela primeira vez na sua história, tetracampeão português de futebol, ao vencer em casa o Vitória de Guimarães, por 5-0, em jogo da 33.ª e penúltima jornada da I Liga.

O Benfica sagrou-se hoje, pela primeira vez na sua história, tetracampeão português de futebol, ao vencer em casa o Vitória de Guimarães, por 5-0, em jogo da 33.ª e penúltima jornada da I Liga.

O argentino Franco Cervi (11 minutos), o mexicano Raúl Jiménez (16), o português Pizzi (37) e o brasileiro Jonas (44 e 67), o segundo de grande penalidade, marcaram os golos dos ‘encarnados’, que somaram o seu 36.º campeonato português.

Com este resultado, o Benfica passou a somar 81 pontos, que já não podem ser alcançados pelo perseguidor FC Porto, que tem 73 e menos um jogo, enquanto o Vitória de Guimarães, que interrompeu uma série de sete triunfos consecutivos, vai terminar a I Liga na quarta posição, para já com 62 pontos.

A história até ao tetra

À sexta tentativa, o Benfica chegou, finalmente, à conquista do ambicionado tetracampeonato de futebol, 63 anos depois de o Sporting ter cometido idêntica proeza e 19 após o FC Porto, então na caminhada para o ‘penta’.

Recordista destacado de títulos, com 36 troféus de campeão nacional, contra 27 do FC Porto e 18 do Sporting, o Benfica nunca tinha conseguido chegar ao ‘tetra’, mesmo durante os anos dourados das décadas de 60 (nas quais se sagrou bicampeão europeu) e 70 do século passado.

Até hoje, por cinco vezes o Benfica tinha visto a conquista do tetracampeonato ser travado pelos dois grandes adversários, que precisaram de menos oportunidades para o obter: o Sporting fê-lo à segunda tentativa, entre 1951 e 1954, e o FC Porto logo à primeira, no ‘penta’ alcançado entre 1995 e 1999.

Os ‘dragões’ foram, precisamente, os primeiros a estragar a ‘festa do tetra’ benfiquista, em 1939, depois da conquista de três títulos consecutivos pela equipa lisboeta, o primeiro ‘tri’ do campeonato português, entre 1936 e 1938.

A chegada de Eusébio e a construção de uma das melhores equipas do futebol nacional lançou o Benfica para dois triunfos na Taça dos Clubes Campeões Europeus, em 1961 e 1962, e o domínio da modalidade em Portugal, mas sem nunca chegar ao ‘tetra’.

Entre 1963 e 1977, os ‘encarnados’ sagraram-se 12 vezes campeões nacionais, com quatro tricampeonatos de permeio, tendo sido por três vezes impedidos de vencer quatro títulos consecutivos pelo Sporting e uma vez – a última – pelo FC Porto.

Com Costa Pereira, Germano, Coluna, Simões, José Augusto, Cavém, Torres e Eusébio, o Benfica venceu o campeonato em 1963, 1964 e 1965, mas o Sporting intrometeu-se no ano seguinte, repetindo a ‘desfaçatez’ em 1970 e 1974, após mais dois tricampeonatos do rival lisboeta, entre 1967 e 1969 e entre 1971 e 1973.

Ainda com Simões e Eusébio, mas já ao lado novas estrelas do firmamento benfiquista, como Bento, Humberto Coelho, Diamantino, Toni, Shéu e Nené, o Benfica iniciou em 1975 a caminhada para o último ‘tri’, fechado em 1977, mas o ‘tetra’ voltou a escapar-lhe, desta vez por causa do FC Porto, campeão em 1978.

Desde essa altura e durante mais de 30 anos, o Benfica nunca mais se voltou sequer a aproximar da conquista de quatro títulos seguidos (o melhor que conseguiu foi um ‘bis’ em 1983 e 1984), até hoje, à sexta – e definitiva - tentativa.

O FC Porto foi mais ‘pragmático’ e sagrou-se tetracampeão na primeira oportunidade que dispôs, tendo, inclusive, levado a série de títulos até a um inédito ‘penta’ (de 1995 a 1999), e quase repetido a ‘dose’ pouco tempo depois, ‘ficando-se’ por quatro títulos consecutivos, entre 2006 e 2009.

Muitos anos antes, o Sporting foi travado na caminhada para o ‘tetra’ pelo Benfica em 1950, depois de se ter sagrado campeão em 1947, 1948 e 1949, mas não demorou muito tempo para se converter na primeira equipa a vencer quatro títulos seguidos, entre 1951 e 1954.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Sporting e Benfica disputam este sábado um dérbi que os pode lançar para a conquista do título de futebol, numa 25ª jornada da I Liga em que podem ainda beneficiar de um ‘bónus’ no Sporting de Braga-FC Porto.
Nos três jogos entre os rivais lisboetas, esta época, o Sporting venceu todos
O Benfica sagrou-se este domingo campeão nacional de futebol pela 34ª vez, segunda consecutiva, após empatar 0-0 no terreno do Vitória de Guimarães, em jogo da 33ª e penúltima jornada da I Liga.
Benfica players celebrate after their Portuguese First League soccer match against Guimaraes, held at D.Afonso Henriques stadium, Guimaraes, Portugal, 17th May 2015. Benfica clinch their 34th national championship soccer title with one game to spare after a draw with Guimaraes 0-0. JOSE COELHO/LUSA