Escolha as suas informações

Belenenses aplica primeira derrota na Liga ao Benfica
Desporto 27.10.2018

Belenenses aplica primeira derrota na Liga ao Benfica

Silas, treinador do Belenenses.

Belenenses aplica primeira derrota na Liga ao Benfica

Silas, treinador do Belenenses.
Foto: Lusa
Desporto 27.10.2018

Belenenses aplica primeira derrota na Liga ao Benfica

Golos de Eduardo (penalty) e Keita valeram o triunfo à equipa de Silas num jogo em que Salvio falhou um penalty.

O Belenenses aplicou a primeira derrota ao Benfica na Liga portuguesa, vencendo por 2-0 em jogo realizado no Estádio Nacional e relativo à 8ª jornada. Com este resultado, os benfiquistas podem voltar a ser ultrapassados pelo FC Porto caso a equipa de Sérgio Conceição vença este domingo o Feirense.

No início do encontro, o Benfica teve entrada dinâmica e desperdiçou diversas oportunidades para marcar, ganhando evidência o guarda-redes Muriel que deteve remates de Salvio, Seferovic e Gedson. O domínio dos visitantes manteve-se e, aos 33 minutos, o árbitro Artur Soares Dias, após consulta ao VAR, assinalou penalty contra o Belenenses, mas Muriel defendeu a tentativa de Salvio. Três minutos depois, Eduardo também beneficiou de um penalty por falta de Vlachodimos sobre Licá e, da marca dos 11 metros, bateu o guarda-redes, colocando os anfitriões na frente. E três minutos antes do intervalo a vantagem foi ampliada quando Keita aproveitou passe de Eduardo para as costas da defesa e apontou o 2-0.

Na segunda parte, Rui Vitória trocou Salvio por Jonas e o Benfica voltou a falhar ocasiões de golo: duas vezes por intermédio de Jonas, outra com Rafa como protagonista e ainda num remate de Pizzi. À medida que o tempo avançava, o Belenenses ganhava confiança, enquanto Vitória tirava Pizzi para apostar em Castillo. Mas foi Licá quem testou a atenção de Vlachodimos (71 m) e nem mesmo a entrada de Zikvovic para o lugar de Fejsa (84 m) teve qualquer resultado prático em termos de marcador para o Benfica. 

 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas