Escolha as suas informações

Apuramento / Mundial 2018 / Grupo B: Portugal vence Hungria com bis de Cristiano Ronaldo

Apuramento / Mundial 2018 / Grupo B: Portugal vence Hungria com bis de Cristiano Ronaldo

Foto: LUSA
Desporto 5 min. 25.03.2017

Apuramento / Mundial 2018 / Grupo B: Portugal vence Hungria com bis de Cristiano Ronaldo

A seleção portuguesa de futebol venceu no sábado a Hungria por 3-0, em encontro da quinta jornada do Grupo B de apuramento para o Mundial de 2018, disputado no Estádio da Luz, em Lisboa.

A seleção portuguesa de futebol venceu no sábado a Hungria por 3-0, em encontro da quinta jornada do Grupo B de apuramento para o Mundial de 2018, disputado no Estádio da Luz, em Lisboa.

André Silva inaugurou o marcador, aos 32 minutos, passando a contar cinco golos em seis internacionalizações ‘AA’, e Cristiano Ronaldo apontou os outros dois, aos 36 e 65, para um total de 70, em 137 jogos pela equipa das ‘quinas’.

Na classificação do Grupo B, Portugal mantém-se a três pontos da Suíça, que recebeu e bateu a Letónia por 1-0 e soma por vitórias os cinco jogos disputados.

Ficha de Jogo

Jogo no Estádio da Luz, em Lisboa.

Portugal - Hungria, 3-0.

Ao intervalo: 2-0.

Marcadores:

1-0, André Silva, 32 minutos.

2-0, Cristiano Ronaldo, 36.

3-0, Cristiano Ronaldo, 65.

Equipas:

- Portugal: Rui Patrício, Cédric, José Fonte, Pepe, Raphael Guerreiro, William Carvalho, André Gomes (Pizzi, 86), João Mário (João Moutinho, 83), Ricardo Quaresma, Cristiano Ronaldo e André Silva (Bernardo Silva, 67).

(Suplentes: Bruno Varela, Marafona, Bruno Alves, Nélson Semedo, Eliseu, Danilo, João Moutinho, Renato Sanches, Pizzi, Gelson Martins, Bernardo Silva e Éder).

Selecionador: Fernando Santos.

- Hungria: Péter Gulácsi, Barnabás Bese, Ádám Lang (Gergo Lovrencsics, 46), Paulo Vinicius, Tamás Kádár, Mihaly Korhut, Ádám Gyurcsó (Zsolt Kalmár, 69), Ádám Nagy, Zoltán Gera (Ádám Pinter, 86), Balázs Dzsudzsák e Ádám Szalai.

(Suplentes: Dénes Dibusz, Balázs Megyeri, Krisztián Adorján, Márton Eppel, Gergo Lovrencsics, Zsolt Kalmár, Ádám Pintér, Dávid Holman, Tamás Priskin, Roland Sallai e Szilveszter Hangya).

Selecionador: Bernd Storck.

 

Árbitro: Szymon Marciniak (Polónia).

Disciplina: Cartão amarelo para Balázs Dzsudzsák (61), Zoltan Gera (76) e Tamás Kádár (83).

Assistência: 57.816 espetadores.

Moutinho ultrapassa Rui Costa, ao somar jogo 95.ª jogo por Portugal

O médio João Moutinho atingiu hoje as 95 internacionalizações ‘AA’, ultrapassando Rui Costa, que ‘pendurou as botas’ há mais de uma década, ao entrar aos 83 minutos da receção à Hungria, de qualificação para o Mundial2018.

Ao ser colocado em campo pelo selecionador Fernando Santos, com Portugal a vencer por 3-0, com um tento de André Silva e dois de Cristiano Ronaldo, o jogador do Mónaco isola-se no quinto lugar do ‘ranking’, quase 12 anos depois da sua estreia.

O ex-jogador de Sporting e FC Porto está agora a 11 jogos do hoje ausente Nani, que é quarto com mais internacionalizações (106). A lista é liderada por Cristiano Ronaldo, com 137.

Formado pelos ‘leões’, Moutinho vestiu pela primeira vez a camisola da seleção principal a 17 de agosto de 2005, num particular frente ao Egito, em São Miguel, no Açores, que Portugal venceu por 2-0. O médio, na altura com apenas 18 anos, foi lançado por Luiz Felipe Scolari no arranque da segunda parte.

Em destaque no Sporting, Moutinho chamou a atenção do técnico brasileiro, mas acabou por ficar de fora do lote final de convocados para o Mundial2006.

Após falhar a competição que decorreu na Alemanha, e em que a seleção nacional alcançou as meias-finais, o jogador algarvio ganhou espaço na equipa de Scolari e foi selecionado para estar no Euro2008, na Áustria e Suíça, tendo participado em todos os jogos de Portugal na prova (foi eliminado nos quartos de final).

Com a chegada de Carlos Queiroz ao cargo de selecionador, Moutinho acabou por ser menos utilizado e falhou mesmo a presença no Mundial2010, na África do Sul, em que Portugal foi eliminado nos oitavos de final.

Primeiro com Paulo Bento e depois com Fernando Santos, João Moutinho tornou-se ‘dono’ do meio campo de Portugal e somou mais três presenças em fases finais, incluindo no Euro2016, em que se sagrou campeão europeu.

Ao todo, aos 30 anos, o ‘pequeno’ médio (mede 1,71 metros) esteve em três Campeonatos da Europa e num Mundial.

O jogador do Mónaco está a caminho de fazer parte do restrito grupo de centenários, mas no capítulo dos golos soma apenas cinco, enquanto Rui Costa, que atuava como médio mais ofensivo, despediu-se da seleção com 26.

Moutinho marcou pela primeira a 31 de maio de 2008, num particular com a Geórgia (2-0), em Viseu, num jogo que serviu de preparação para a fase final do Euro2008.

Dos cinco golos marcados com a camisola das ‘quinas’, o mais importante aconteceu a 8 de outubro de 2015, em Braga, num remate certeiro que garantiu o triunfo sobre a Dinamarca (1-0) e confirmou o apuramento de Portugal para o Euro2016.

Já durante a qualificação para o Mundial2018, Moutinho assinou o seu nome na lista de marcadores na goleada alcançada na Ilhas Faroé, por 6-0.


Suíça vence Letónia por margem mínima

A seleção suíça, principal rival da seleção portuguesa no Grupo B de qualificação para o Mundial2018 de futebol, sentiu hoje grandes dificuldades para materializar a sua superioridade sobre a congénere da Letónia, que venceu apenas por 1-0.

Um golo do médio Josip Drmic, do Borussia Mönchengladbach, aos 66 minutos, garantiu a vitória aos suíços, que desperdiçaram várias oportunidades para obter uma vitória mais folgada, mas revelaram falta de eficácia, perante uma Letónia que defendeu quase sempre com o ‘bloco baixo’, compacta e coesa, mas sem capacidade de acionar o contra-ataque e estender o jogo até à área suíça.

No outro jogo do Grupo B, Andorra e as Ilhas Faroé não foram além de um ‘nulo’ em casa do primeiro, sendo de destacar que a seleção insular jogou o último quarto de hora com menos uma unidade, por expulsão de Joan Simun Edmusson, que viu o segundo amarelo por simular uma falta a meio-campo.

Ao conseguir pontuar, Andorra colocou um ponto final numa série de 58 jogos consecutivos a perder em jogos de qualificação para Europeus e Mundiais.

A Suíça consolidou, por seu lado, a liderança, com 15 pontos, em cinco jogos, enquanto Portugal é segundo, com 12 pontos. A Hungria é terceira, com 7 pontos, seguida das Ilhas Faroé, que somam cinco pontos, e da Letónia, com três. No sexto e último lugar está Andorra, lanterna-vermelha, com um.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

OPINIÃO: Seleção está no bom caminho
A vitória sobre a Hungria mostra que a equipa das ’quinas’ respira saúde e tem condições para terminar em primeiro lugar do seu grupo no apuramento para o Mundial de 2018. Com qualidade e determinação, os comandados de Fernando Santos terão de ganhar os cinco jogos que faltam para destronar a Suíça.