Escolha as suas informações

The Whale. Noruega vai ter museu semi-submerso para observar baleias
Cultura 4 20.11.2019

The Whale. Noruega vai ter museu semi-submerso para observar baleias

The Whale. Noruega vai ter museu semi-submerso para observar baleias

DORTE MANDRUP
Cultura 4 20.11.2019

The Whale. Noruega vai ter museu semi-submerso para observar baleias

Teresa CAMARÃO
Teresa CAMARÃO
O observatório abre em 2022. Ao longe, faz lembrar uma barbatana de uma baleia.

O museu ainda está a ser construido mas já há imagens do resultado final. A inauguração está prevista para 2022. 

O jornal Dezenn entrevistou a diretora criativa do atelier responsável pelo projeto arquitetónico, Dorte Mandrup. A dinamarquesa explica que o projeto tem como objetivo central é o "aumento do conhecimento sobre as baleias e a preservação da vida marinha". Acrescenta que, do ponto de vista arquitetónico, a "oportunidade acarreta uma enorme responsabilidade, algo que é extremamente motivante e inspirador".

O observatório está a ser construido em Andenes, no norte da Noruega, vai ter o formato de uma barbatana de uma baleia gigante, "como se um gigante tivesse levantado uma fina camada da crosta terrestre e criado uma cavidade por baixo". 

A arquiteta conta que o telhado do The Wale vai servir de miradouro priviligiado para a migração das baleias anãs que por ali passam anualmente. Vai ter cerca de 4500 metros quadrados e estará semi-submerso. As paredes envidraçadas permitirão uma vista panorâmica para o oceano. O objetivo é "criar consciencialização e inspirar a conservação das baleias e seu ambiente". 

Além do espaço para observação dos cetáceos, o edifício, premiado pelo concurso internacional de design este mês, vai ter um café e uma loja. A localização não é um acaso. Andenes é considerado um dos melhores locais do mundo para a observação de baleias. Por ano cerca de 50 mil pessoas visitam a cidade do norte da Noruega. Espera-se que o número aumente com a construção do museu. 

Veja aqui as imagens protótipo do observatório.