Escolha as suas informações

Prémios "Césars": "Timbuktu”, grande vencedor dos prémios do cinema francês
Cultura 1 21.02.2015

Prémios "Césars": "Timbuktu”, grande vencedor dos prémios do cinema francês

O filme “Timbuktu”, do cineasta franco-mauritano Abderrahmane Sissako, recebeu hoje sete césares na 40ª edição dos "Césars", os prémios do cinema francês, incluindo o de melhor filme e realizador.

O filme “Timbuktu”, do cineasta franco-mauritano Abderrahmane Sissako, recebeu na sexta-feira à noite sete césares na 40ª edição dos "Césars", os prémios do cinema francês, incluindo o de melhor filme e realizador.

A longa-metragem, que conta a invasão pelos jihadistas em 2012 da cidade de Tombuctu, no Mali, arrecadou também os prémios de melhor guião original, fotografia, montagem, banda sonora e som.

“Timbuktu”, candidato a melhor filme estrangeiro dos Óscares, estava nomeado para um total de oito césares, numa votação em que participam cerca de 4.225 profissionais do cinema francês.

O césar de melhor actriz foi entregue a Adèle Haenel pelo seu papel em “Os Combatentes”, de Thomas Cailley, e o césar de melhor interpretação masculina foi para o actor Pierre Niney em “Yves Saint Laurent”.

O prémio de melhor actriz secundária foi entregue à norte-americana Kristen Stewart, 24 anos, pela sua participação em “Sils Maria”.

Esta é a primeira vez que uma actriz norte-americana vence um prémio do cinema francês.

Reda Kateb arrecadou o prémio de melhor actor secundário pelo seu papel no filme “Hippocrate”.

O césar de melhor filme estrangeiro foi entregue a “Mommy” do cineasta canadiano Xavier Dolan César.

O prémio de melhor película documental foi entregue a Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado por “The Salto f The Earth” e o de melhor curta-metragem a “Le femme de Rio”, de Emma Luchini e Nicolas Rey.

O actor, realizador e produtor norte-americano Sean Penn recebeu o galardão de honra pela sua carreira.


Notícias relacionadas