Escolha as suas informações

Nelson Neves é membro do Instituto Europeu das Artes
Cultura 2 min. 04.12.2013 Do nosso arquivo online

Nelson Neves é membro do Instituto Europeu das Artes

Nelson Neves

Nelson Neves é membro do Instituto Europeu das Artes

Nelson Neves
Foto: M. Dias
Cultura 2 min. 04.12.2013 Do nosso arquivo online

Nelson Neves é membro do Instituto Europeu das Artes

O artista plástico luxemburguês de origem cabo-verdiana Nelson Neves acaba de ser reconhecido pelo Instituto Europeu das Artes Contemporâneas, ocupando agora a cadeira número 149 enquanto membro daquela organização europeia.

"É um orgulho a minha candidatura ter sido aceite e é um reconhecimento do trabalho que tenho feito há 11 anos. Também é uma responsabilidade porque estão lá artistas de alto nível. Espero continuar a evoluir e apresentar um trabalho de qualidade", disse Nelson Neves ao CONTACTO e ao wort.lu/pt.

O artista participa regularmente, desde 1991, em exposições colectivas e individuais no Luxemburgo, em França e Cabo Verde.

As suas telas, entre o figurativo e o abstracto, distinguem-se pelas cores vivas, que evocam a sua origem cabo-verdiana.Depois de algumas candidaturas falhadas no Luxemburgo (Casino do Luxemburgo - Fórum de arte contemporânea) e em Cabo Verde (Ministério da Cultura de Cabo Verde), o artista plástico nascido em Santo Antão vê agora uma valorização do seu trabalho, mas fora de portas.

"Há algum tempo enviei a minha candidatura para o Casino, na cidade do Luxemburgo, mas não avançou. Para Cabo Verde, mandei uns dois ou três projectos e não obtive qualquer resposta, mas aqui [Instituto Europeu das Artes Contemporâneas] aceitaram e fiquei contente", diz Nelson Neves, que se queixa ainda das autoridades cabo-verdianas.

"Fico um pouco sentido porque não há feedback do Ministério da Cultura. Não há uma resposta. Nem dizem 'sim' nem 'não' e acho isso uma falta de respeito até porque quando faço uma exposição é o nome de Cabo Verde que está a ser promovido", desabafa o artista.

"Foi uma organização, cá de fora, a valorizar o meu trabalho e não da minha terra. Apesar disso, vou continuar a promover a minha terra", acrescenta.

O Instituto Europeu das Artes Contemporâneas tem como objectivo promover os artistas europeus à escala internacional e recompensar os mais talentosos com distinções no domínio das artes.

Os trabalhos de Nelson Neves podem ser vistos no site www.institutdesarts.eu e na galaria virtual www.weloveart.lu


Notícias relacionadas