Escolha as suas informações

Música: Rapper luso Dyel lança “Sinceramente”
Cultura 2 min. 29.06.2016 Do nosso arquivo online

Música: Rapper luso Dyel lança “Sinceramente”

O rapper Dyel, aliás, Daniel Moutinho

Música: Rapper luso Dyel lança “Sinceramente”

O rapper Dyel, aliás, Daniel Moutinho
Foto: Vanessa Castanheira
Cultura 2 min. 29.06.2016 Do nosso arquivo online

Música: Rapper luso Dyel lança “Sinceramente”

“Sinceramente” é o primeiro trabalho lançado pelo rapper luso-descendente do Luxemburgo, Dyel.

“Sinceramente” é o primeiro trabalho lançado pelo rapper luso-descendente do Luxemburgo, Dyel.

Lançado em Maio, o EP (álbum compacto) “Sinceramente” traz como primeiro single “Dias cinzentos” que já pode ser ouvido nas rádios.

O CONTACTO esteve à conversa com Dyel, aliás, Daniel Moutinho, de seu verdadeiro nome. Para o jovem, “Céu Cinzento” fala do Luxemburgo. “Aqui há mais do que dias cinzentos e bancos”, diz, explicando que tenta através da música “limpar a imagem do país”.

“Mente Sincera” é o segundo single e tem também vídeoclip já disponível. “Este é um tema que mostra que o hip-hop pode não ser violento e ter uma forte componente musical”, defende o artista. A letra diz “Hip-hop pode ser poesia” e lança o repto para outra música. Em “Mentiroso”, o músico escreveu sobre a superficialidade com que muitos rappers tratam o género. A par de outros artistas portugueses do estilo, Dyel defende um hip-hop educativo e com conteúdo, o que não se vê, diz, em “rappers cuja preocupação é a ostentação de riqueza, que até não possuem”. “Mentiroso” é quase um apontar o dedo, uma acusação, qu está a ter imenso sucesso entre o público, regozija-se o cantor, adiantando que essa canção é a próxima a gravar em vídeo.

Este EP contempla ainda a participação de Mysterio, um outro rapper luso de que o CONTACTO já aqui falou, no tema “Ilusão”, e uma parceria com Ricardo d´Sousa em “Destino”. Um ’cover’ de Machine Gun Kelly, que actuou na Rochkal em Novembro de 2015 e uma introdução “mais engraçada e que mostra uma outra vertente do hip-hop”, são os outros temas que compõem o trabalho.

“Sinceramente” foi bastante “ponderado”, diz o rapper de 27 anos, que sempre teve uma paixão pelo género musical, assumindo que actualmente sabe o caminho que quer percorrer.

Nas suas canções, gosta de “falar de tudo e de nada”, escreve sobre “amor, sociedade, valores e respeito, mas sempre do lado positivo”, diz. Há temas em que a voz, mais harmoniosa que o convencional, soa a R&B. Aliás, Dyel não se enquadra no estereótipo do rapper de boné e roupas largas. Tem inclusive histórias engraçadas. É instrutor de condução e afirma que os alunos ficam perplexos ao descobrir a sua veia artística.

“Abre o espírito. Não faças rap, faz música” é o que o compositor defende e acredita que ter trabalhado na produção do disco com pessoas mais velhas o ajudou “a crescer enquanto músico”, confia.

O EP está disponível gratuitamente na internet, e também em suporte físico. Mais informações na página do rapper no Facebook.

Vanessa Castanheira

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Nenny é o fenómeno da música portuguesa
Tem só 17 anos e já a compararam a Lauryn Hill e a Billie Eilish, mas a jovem cantora prefere afirmar-se por si. Desde o final de 2019 que o Luxemburgo passou a ser a sua casa.
Música: Rapper português Andy Scotch grava videoclipe no Luxemburgo
O rapper e compositor português Andy Scotch esteve recentemente no Luxemburgo e aproveitou a ocasião para gravar o videoclipe da música “O que é que queres?”, um tema inédito, a ser lançado em Abril. As filmagens, acompanhadas pelo CONTACTO, decorreram nas antigas instalações do complexo industrial da Arbed, nas “Terres Rouges”, em Esch-sur-Alzette.
O rapper escolheu as antigas instalações da Arbed, em Esch/Alzette, para gravar o seu mais recente vídeo