Escolha as suas informações

"Game Night". Uma noite no casino
Cultura 12.04.2018 Do nosso arquivo online

"Game Night". Uma noite no casino

Isto era para ser um jogo de cartas entre amigos…

"Game Night". Uma noite no casino

Isto era para ser um jogo de cartas entre amigos…
Cultura 12.04.2018 Do nosso arquivo online

"Game Night". Uma noite no casino

António Raúl VAZ PINTO DA CUNHA REIS
António Raúl VAZ PINTO DA CUNHA REIS
As personagens principais deste filme são Max (Jason Bateman) e Annie (Rachel McAdams). Ambos sofrem da uma doença: não resistem a um jogo. Assim se conheceram e acabaram por casar-se. Juntos têm como principal passatempo bater casais em partidas de Pictionary e qualquer jogo de sociedade, desde que seja… um jogo e no qual possam vencer. O argumento não chega bem a explicar de que vivem Max e Annie, mas mostra que Max tem uma espécie de competição com o seu irmão Brooks que tem mais êxito na vida do que ele.

O filme começa com muita energia, oferecendo uma excelente descrição do mundo dos jogadores compulsivos. É interessante observar os comportamentos e tentar perceber o que os leva a tais extremos.

A segunda parte de “Game Night” torna-se num verdadeiro filme de ação envolvendo o casal protagonista, mas também Brooks e um polícia (Jesse Plemons).

Sem estragar a surpresa, pode dizer-se que há raptos, perseguições, assaltos e muitos outros acontecimentos. Fica a dúvida se estamos no domínio de um jogo muito realista ou se a realidade é verdadeiramente dramática.

Preferi a primeira metade do filme e o prazer de descobrir a doença que pode ser a dependência do jogo, mas o elemento mais agradável talvez seja o abundar de referências e piscadelas de olho a filmes tais como “Fight Club”, “Vacation” ou “Pulp Fiction”.

“Game Night” utiliza a cidade como um tabuleiro de jogo. Os realizadores optam por imagens que dão essa impressão e que deixa ainda mais dúvidas sobre estarmos perante factos reais ou um simples jogo.

Os realizadores de “Game Night”, John Francis Daley e Jonathan Goldstein, acrescentam à comédia elementos característicos dos “thrillers” e dos filmes policiais, mantendo um permanente humor (negro) e mostrando de forma brilhante que as suas personagens são ultrapassadas pelos acontecimentos.

_________

“Game Night”, de John Francis Daley e Jonathan Goldstein, com Jason Bateman, Rachel McAdams, Kyle Chandler, Sharon Horgan, Billy Magnussen, Lamorne Morris, Jesse Plemons e Michael C. Hall.