Escolha as suas informações

Filme "Touch me Not" vence Urso de Ouro em Berlim
Cultura 26.02.2018 Do nosso arquivo online

Filme "Touch me Not" vence Urso de Ouro em Berlim

Filme "Touch me Not" vence Urso de Ouro em Berlim

Foto: AFP
Cultura 26.02.2018 Do nosso arquivo online

Filme "Touch me Not" vence Urso de Ouro em Berlim

Paulo Pereira
Paulo Pereira
Wes Anderson recebeu Urso de Prata por "Ilha de Cães".

O filme romeno "Touch me Not", da realizadora romena Adina Pintilie, foi o ganhador do Urso de Ouro, principal distinção da edição 68 do Festival de Cinema de Berlim (Berlinale). Pintilie foi ainda agraciada com o prémio para melhor primeiro filme.

Considerado um filme sobre sexo e intimidade, espécie de "longa metragem que é um misto de ficção e documentário, tendo por base personagens que buscam a entrada na intimidade de modos não habituais", a obra convenceu o júri da Berlinale, presidido por Tom Tykwer.

O Grande Prémio do Júri foi para o trabalho de outra realizadora, a polaca Malgorzata Szumowska, autora de "Twarz", enquanto Wes Anderson ficava com o Urso de Prata para melhor realizador pelo filme "Ilha de Cães".

Outros premiados: Urso de Prata de melhor atriz - Ana Brun, em "Las Herederas", de Marcelo Martinessi (Paraguai); Urso de Prata de melhor ator - Anthony Bajon, em "La prière", de Cédric Kahn (França); Urso de Prata de melhor contribuição artística -- "Dovlatov", de Alexei German Jr. (Rússia/Polónia/Sérvia); Urso de Prata de melhor argumento - "Museo", de Alonso Ruizpalacios (México); Prémio Alfred Bauer, em homenagem à memória do fundador do festival, para um filme que abre novas perspetivas: "Las Herederas", de Marcelo Martinessi (Paraguai); Melhor documentário - "The Waldheim Waltz", de Ruth Beckermann (Áustria); Urso de Ouro de melhor curta-metragem - "The Men Behind the Wall", de Ines Moldavsky (Israel); Teddy Bear (galardão para o melhor filme sobre a temática LGBT): "Hard Paint", de Marcio Reolon e Filipe Matzembacher.  


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

O filme do holandês Paul Verhoeven “Elle” ganhou hoje em Paris o César, prémios do cinema francês, de melhor filme, enquanto a Isabelle Huppert venceu o prémio de melhor atriz.
Isabelle Huppert a remporté le César de la meilleure actrice.