Escolha as suas informações

Festival em Berlim para celebrar cultura portuguesa a 11 de junho
Cultura 06.06.2022
Alemanha

Festival em Berlim para celebrar cultura portuguesa a 11 de junho

Alemanha

Festival em Berlim para celebrar cultura portuguesa a 11 de junho

Foto: Jörg Carstensen/dpa
Cultura 06.06.2022
Alemanha

Festival em Berlim para celebrar cultura portuguesa a 11 de junho

Lusa
Lusa
Certame pretende divulgar e promover a cultura portuguesa, com "uma imagem moderna", com várias iniciativas culturais ao longo de todo o dia.

A associação 2314 estreia em Berlim o festival "Nem tudo é saudade", no próximo sábado (11 de junho), para divulgar e promover a cultura portuguesa, com "uma imagem moderna", realizando iniciativas ao longo do dia dedicadas a diversos públicos.

"Queríamos criar uma plataforma, mas acima de tudo um evento de divulgação da cultura portuguesa em Berlim que tivesse um formato atrativo, cuidado, mas também moderno", sublinhou à agência Lusa o músico português Pedro Matos, membro da organização.

O festival tem entrada livre e decorre no dia 11 de junho na capital alemã, a partir das 13h, na Münzenbergsaal, Franz-Mehringplatz 1 (Friedrichshain).   

A proposta para este evento, que junta música, teatro, cinema, dança, exposições, artesanato e degustação gastronómica, já tinha sido apresentada no ano passado. Mas, por causa da pandemia da covid-19 e das restrições, a ideia acabou por ser adiada.


Daniel Bastos, historiador, escritor e professor, já assinou várias obras sobre história e emigração portuguesas.
"As associações de emigrantes portugueses vão ter se de fundir para sobreviver"
O autor do livro "Comunidades, Emigração e Lusofonia – Crónicas", acredita que o futuro passa pela criação de uma "espécie de casa comum" nas comunidades.

Serão cerca de 45 participantes que vão procurar passar "uma imagem moderna de Portugal", mas também "estabelecer uma parceria" com o país e cidade de acolhimento.

"É uma celebração da cultura portuguesa, mas também da comunidade emigrante portuguesa a residir na Alemanha que se integrou com sucesso neste país. Pretende também assinalar o dia 10 de junho, dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas", salientou Pedro Matos.

O evento é dedicado a todas as idades e abre com a apresentação das bancas gastronómicas, seguindo-se um 'workshop' de percussão portuguesa. "Este evento dedica-se à comunidade portuguesa em Berlim, e na Alemanha, mas também se destina aos cidadãos berlinenses que se interessem pela cultura portuguesa e tenham vontade de vir conhecer artistas portugueses, lojas e gastrónomos portugueses a residir na cidade", acrescentou.

O festival, quem tem também como objetivo o contacto com potenciais clientes e seguidores nas redes sociais, deverá ter continuidade nos próximos anos.

"Gostaríamos de tentar conseguir mais apoio financeiro para ter um festival mais alargado. A nossa ideia era até ter um festival de três dias, com performances de longa duração dos artistas, eventualmente com dois ou três locais diferentes onde pudesse ser feito o evento", partilhou Pedro Matos, da associação 2314.

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Distinguida com o prémio José Afonso na sua cidade (Amadora) por causa do álbum “O Horizonte”, Teresa Salgueiro fala de alegrias e receios, de memórias e do presente, de vinte anos nos Madredeus e dos dez anos que já passaram após a sua saída, de Portugal e do mundo.
Teresa Salgueiro
Os portugueses Xinobi e Omiri atuam em janeiro de 2018 em Groningen, na Holanda, no âmbito do festival Eurosonic Noorderslag, de acordo com informação disponibilizada hoje no 'site' da iniciativa.