Escolha as suas informações

Exposição: Luxemburgo e Portugal "trocam" obras de arte
Cultura 3 min. 20.01.2015

Exposição: Luxemburgo e Portugal "trocam" obras de arte

O Museu Nacional de História e Arte do Luxemburgo, na capital, vai acolher uma obra do Museu de Arte antiga, em Lisboa

Exposição: Luxemburgo e Portugal "trocam" obras de arte

O Museu Nacional de História e Arte do Luxemburgo, na capital, vai acolher uma obra do Museu de Arte antiga, em Lisboa
Foto: Guy Jallay
Cultura 3 min. 20.01.2015

Exposição: Luxemburgo e Portugal "trocam" obras de arte

O Museu Nacional de História e Arte do Luxemburgo vai ter patente a partir de 29 de Janeiro uma pintura do Museu de Arte Antiga em Lisboa, no âmbito da iniciativa “Obra Convidada”, que vai levar uma tela do museu luxemburguês também a Portugal.

O Museu Nacional de História e Arte do Luxemburgo vai ter patente a partir de 29 de Janeiro uma pintura do Museu de Arte Antiga em Lisboa, no âmbito da iniciativa "Obra Convidada", que vai levar uma tela do museu luxemburguês também a Portugal.

Iniciado em 2013, com uma obra de Lucas Cranach, o Velho, vinda do The Metropolitan Museum of Art, em Nova Iorque, o ciclo de exposições "Obra Convidada" tem vindo a apresentar naquele museu português algumas obras de arte de grandes museus estrangeiros.

O intercâmbio temporário chega agora ao Museu Nacional de História e Arte do Luxemburgo (MNHA), que vai exibir a pintura "O Casamento Místico de Santa Catarina", do pintor barroco espanhol Bartolomé Esteban Murillo (1618-1682). A tela, considerada “uma das mais excepcionais peças da juventude do pintor”, foi oferecida pela Rainha Isabel II de Espanha ao Rei D. Luís de Portugal.

Em simultâneo, o Museu de Arte Antiga em Lisboa vai mostrar já a partir de 22 de Janeiro a pintura "Baco, Vénus e Cupido", do italiano Rosso Fiorentino (1494-1540), proveniente do Museu Nacional de História e Arte do Luxemburgo.

No Grão-Ducado, a exposição da tela cedida pelo museu português é inaugurada a 29 de Janeiro, às 18h, numa apresentação que vai contar com um concerto de guitarra portuguesa, com João Godinho e Paulo Cartaxo, e com a presença da ministra da Cultura do Luxemburgo.

Para o director do museu luxemburguês, que lançou em Novembro visitas guiadas em língua portuguesa, a mostra é também uma ocasião para atrair mais portugueses ao MNHA.

"Já temos com certeza visitantes portugueses, mas parece-me que ainda há progressos a fazer. Queremos dar a conhecer melhor o museu junto da comunidade portuguesa e convidar os seus membros a apropriar-se deste espaço cultural", disse Michel Polfer ao CONTACTO.

O director do MNHA sublinha ainda a importância de dar a conhecer a cultura portuguesa no Luxemburgo, e adianta que o museu prepara já uma exposição sobre os Descobrimentos portugueses, em colaboração com o Museu Nacional de Arte Antiga.

Prevista para o Outono de 2017, a exposição, que tem como título provisório "Drawing the World" ("Desenhando o Mundo"), vai dar a conhecer no Luxemburgo o período mais emblemático da história de Portugal.

"O conhecimento de um país e dos seus habitantes passa também pelo conhecimento da sua cultura. É uma evidência que a história de Portugal e o seu rico património histórico e cultural não são bem conhecidos no Luxemburgo, apesar da presença da comunidade portuguesa há quase meio século, e o museu quer dar o seu contributo", disse Michel Polfer.

A obra do Museu Nacional de Arte Antiga vai poder ser vista no Luxemburgo de 29 de Janeiro a 10 de Maio, estando agendadas ainda três conferências sobre arte portuguesa.

A 26 de Março, vai estar no Luxemburgo Anísio Franco, conservador do Museu Nacional de Arte Antiga em Lisboa, para falar sobre as colecções de arte antiga do país. A 16 de Abril, é a vez de Delfim Sardo, comissário independente, falar sobre arte moderna e contemporânea portuguesa.

Em data a confirmar, virá ainda ao Luxemburgo António Filipe Pimentel, director do Museu de Arte Antiga, disse ao CONTACTO Sónia da Silva, responsável de comunicação do MNHA.

P.T.A.


Notícias relacionadas

MNHA: Hoje: Albrecht Bouts em Português
O Museu Nacional de História e de Arte do Luxemburgo propõe, hoje entre as 15h00 e as 16h00, uma visita guiada em português à exposição “Sang et Larmes – Albrecht Bouts et les Images de la Passion”, mostra que está patente até 12 de fevereiro.