Escolha as suas informações

Pintora portuguesa expõe em Esch-sur-Alzette
Cultura 11.02.2015 Do nosso arquivo online
Exposição colectiva patente até 6 de Março

Pintora portuguesa expõe em Esch-sur-Alzette

Esta é a primeira grande exposição de Eduarda Almeida
Exposição colectiva patente até 6 de Março

Pintora portuguesa expõe em Esch-sur-Alzette

Esta é a primeira grande exposição de Eduarda Almeida
Foto: Janine Garcia
Cultura 11.02.2015 Do nosso arquivo online
Exposição colectiva patente até 6 de Março

Pintora portuguesa expõe em Esch-sur-Alzette

A artista plástica portuguesa Eduarda Almeida está entre os 34 artistas presentes no 5º Salão de Arte Contemporânea que decorre em Esch-sur-Alzette. A exposição colectiva pode ser vista até 6 de Março no Teatro Municipal de Esch-sur-Alzette.

A artista plástica portuguesa Eduarda Almeida está entre os 34 artistas presentes no 5º Salão de Arte Contemporânea que decorre em Esch-sur-Alzette. A exposição colectiva pode ser vista até 6 de Março no Teatro Municipal de Esch-sur-Alzette.

Esta é a primeira grande exposição de Eduarda Almeida. A artista originária do Alentejo encara este momento como uma oportunidade de dar a conhecer ao público o seu trabalho, ao mesmo tempo que vai poder conhecer e contemplar outros artistas do mesmo ramo.

Eduarda Almeida explicou ao CONTACTO que descobriu o gosto pela pintura há dez anos. Numa primeira fase foi apenas uma forma de "preencher o tempo" e que pouco a pouco foi-se apaixonando pela arte de pintar em acrílico e em aguarela.

"Já pinto há muitos anos, mas de há trés anos para cá comecei a dedicar-me mais à pintura, agora faço mesmo por gosto" contou a artista plástica portuguesa radicada há mais de 30 anos no Luxemburgo e funcionária da Comissão Europeia, lugar onde expôs pela primeira vez, ainda antes de expor em Portugal.

Foto: Janine Garcia

Esta exposição colectiva engloba trabalhos de pinturas em óleo, acrílico, aquarela, pintura em bronze, cerâmica, artesanato, entre outros, de 34 artistas de várias nacionalidades.

A organização é da associação Amicale des Anciens du Laminoir Train VII Arbed/Esch-Belval, do Círculo Artístico de Esch e do Teatro Municipal de Esch-sur-Alzette.

A exposição está patente ao público desde 7 de Fevereiro até ao dia 6 de Março entre 14h e 19h no Teatro Municipal de Esch-sur- Alzette.

Janine Garcia


Notícias relacionadas

O grafiti representa uma forte componente da arte de rua da região de Esch-sur-Alzette, no Luxemburgo, sobretudo junto à fronteira com a França.
A empresa Costiles inaugura no próximo sábado, numa parceria com a empresa Reebou, a primeira exposição de arte de um ciclo de exposições intitulada "Arte & Mosaicos", numa fusão entre a arte moderna e o mosaico, nas instalações da empresa em Esch-sur-Alzette.
Sónia Mendes (comercial da Reebou), Bruno Costantini (sócio-gerente da Costiles), Margarida Campos e Mira Freire (artistas plásticas) e Andrés Salas (Gestor de projectos da Reebou)
A partir de sexta-feira e até 14 de Junho, a galeria de arte "The Art Connection", em Merl, na capital, vai expôr pinturas das brasileiras Carine Quadros e Rosana Faustino, bem como da colombiana Patricia Endara.
(Da esquerda para a direita): Valentin Legendre, curador da exposição, Patricia Endara, Carine Quadros e Ramtin Hormozirad, proprietário da galeria "The Art Connection"
O artista plástico português Marco Godinho, residente no Luxemburgo, inaugura este domingo uma exposição na Bélgica, tendo agendada ainda uma mostra também para a capital luxemburguesa, com inauguração na próxima sexta-feira.