Escolha as suas informações

Duas coproduções do Luxemburgo na corrida aos Bafta
Cultura 2 09.03.2021

Duas coproduções do Luxemburgo na corrida aos Bafta

Duas coproduções do Luxemburgo na corrida aos Bafta

Cultura 2 09.03.2021

Duas coproduções do Luxemburgo na corrida aos Bafta

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
"Wolfwalkers" e "Collective" continuam a marcar presença em festivais internacionais de cinema.

A temporada de premiações corre de feição para produções do Luxemburgo, mesmo com todas as restrições causadas pela pandemia de covid-19. Depois dos Globo de Ouro e dos Césars, em França, e antes dos Óscares que acontecem a 15 de março, os olhares viram-se para o Reino Unido, com o anúncio dos nomeados para os Bafta, da Academia Britânica de Cinema e Televisão. 

Entre a lista de possíveis vencedores, estão duas coproduções luxemburguesas, "Wolfwalkers" e "Collective".

O primeiro concorre na categoria de "Melhor Filme de Animação", ao lado dos duas produções da Pixar, "Soul" e "Avante".  "Wolfwalkers", dos realizadores Tomm Moore e Ross Stewart, é co-produzido pela Mélusine Productions do Luxemburgo e a Ireland’s Cartoon Saloon, produtoras que já trabalhado juntas no filme "Song of the Sea", de 2014.

Os vídeos 360 não têm suporte aqui. Ver o vídeo na aplicação Youtube.

Já Collective, da Samsa Film, o documentário do romeno Alexander Nanau, está na corrida para "Melhor Documentário", com outras cinco produções. é um dos cinco principais documentários. 

Os vídeos 360 não têm suporte aqui. Ver o vídeo na aplicação Youtube.

A cerimónia de entrega dos prémios está marcada para 11 de abril, mas a organização ainda não anunciou como funcionará este ano a entrega dos galardões. Seguindo o exemplo de premiações anteriores, é possível que grande parte, incluindo os discursos vencedores, se realize virtualmente. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas