Escolha as suas informações

Covid-19. Agora o cinema é com máscara e sem pipocas
Cultura 03.11.2020

Covid-19. Agora o cinema é com máscara e sem pipocas

Covid-19. Agora o cinema é com máscara e sem pipocas

Foto: Pixabay
Cultura 03.11.2020

Covid-19. Agora o cinema é com máscara e sem pipocas

Diana ALVES
Diana ALVES
Uso obrigatório de máscara durante o filme e nada de pipocas. As salas de cinema do país também foram obrigadas a adaptar-se às novas medidas restritivas que entraram em vigor na semana passada para fazer face ao aumento do número de casos de covid-19.

O grupo Kinepolis, o maior complexo de cinemas do país, com salas na cidade do Luxemburgo e em Belval, informa no seu site oficial que o uso de máscara é obrigatório "durante toda a visita ao cinema", inclusive durante o filme.

O grupo informa também que o consumo de comida e bebida não é autorizado no interior dos cinemas. Os pontos de venda de pipocas e outros snacks e bebidas estão fechados até nova ordem. Os espectadores também não poderão trazer comida e bebida do exterior.

Quantos aos bilhetes a venda no local continua a ser possível, embora seja aconselhado adquirir os ingressos previamente através do site dos cinemas. No local só são aceites pagamentos com cartão. 

Em linha com as novas medidas do Governo a programação também foi alterada de forma a que os visitantes possam regressar a casa antes do recolher obrigatório, entre as 23:00 e as 06:00. Além destas adaptações, as salas Kinepolis estão organizadas de modo a que o distanciamento de dois metros entre os visitantes seja respeitado. Apenas pessoas pertencentes ao mesmo agregado familiar podem sentar-se lado a lado, sem que seja necessário manter esta distância. 


Covid-19. Teatros continuam a funcionar, apesar das novas restrições
As novas restrições também mexem com o funcionamento das salas de espetáculo do país, mas as representações vão continuar.

Os espectadores devem comparecer no máximo 30 minutos antes do início da sessão e é-lhes pedido que desinfetem as mãos regularmente e respeitem as medidas em vigor. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas