Escolha as suas informações

Banana colada à parede com fita-adesiva foi vendida por 108 mil euros
Cultura 2 min. 07.12.2019

Banana colada à parede com fita-adesiva foi vendida por 108 mil euros


== FOR NEWSPAPERS, INTERNET, TELCOS & TELEVISION USE ONLY ==

Banana colada à parede com fita-adesiva foi vendida por 108 mil euros

== FOR NEWSPAPERS, INTERNET, TELCOS & TELEVISION USE ONLY ==
AFP
Cultura 2 min. 07.12.2019

Banana colada à parede com fita-adesiva foi vendida por 108 mil euros

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
Não é brincadeira. Já houve dois compradores desta obra de arte exposta em Miami do mesmo artista que criou a sanita de ouro que vale seis milhões.

As bananas foram compradas num supermercado local mas a origem da fita-adesiva o artista, o italiano Maurizio Cattelan, não conta. 

Depois só é preciso uma parede branca. ‘Et voilá!’ Assim nasce a obra de arte ‘Comedian’, exposta desde há uma semana na Art Basel Miami Beach, na galeria Perrotin, em Miami e que já foi vendida a uma mulher francesa por 120 mil dólares, ou seja, 108 mil euros. E já há outro comprador, também francês que a encomendou, conta o site Artnet News. A sede da Perrotin é em Paris. 

Perante o "sucesso" da obra, o próximo comprador já irá "pagar 150 mil dólares [130,64 mil euros]", conta Emanuel Perriton, o dono da galeria de arte àquele site.

AFP

"É uma obra de arte"

“Um trabalho como este”, explica Perrotin, “quando não se vende é porque não é uma obra de arte”. E este é pois em poucos dias já vendeu duas destas instalações.

Esta é a instalação que está a fazer mais sucesso na mostra e que segundo o autor demorou meses a ficar concluída. Em comunicado, a galeria explica que Maurizio Cattelan fez vários modelos da obra: “primeiro em resina, depois em bronze e ainda em bronze pintado”, até finalmente “voltar à ideia inicial de uma banana real". Como contou o artista no artigo do Artnews "no final, um dia acordei e disse 'uma banana é suposto ser uma banana'".   

A ideia surgiu-lhe nas suas viagens, em que sempre que chegava a um hotel colava uma banana na parede do quarto. Contudo, Cattelan procurou também os ângulos que pretendia para a banana e a posição certa para colar a fita-adesiva.

E como explica a autora do artigo na Artnews a ‘Comedian’ tem uma longa vida. O seu namorado ainda guarda a casca de uma banana que também tinha na parede nos tempos de universidade e que depois passou a estar numa mesa anos a fio. Agora está guardada na casa onde vive com a autora do artigo.

Ver esta publicação no Instagram

The talk of the town in Miami right now is Maurizio Cattelan’s “Comedian,” a banana 🍌 duct taped to the wall. Two have already sold for $120,000 at Perrotin 😉 read more, including about the banana my husband, @nnddmmyy, hung on his dorm wall for two years, on Artnet News, link in bio @artnet @galerieperrotin @mauriziocattelan @artbasel #art #conceptualart #banana #sculpture #artbasel #artbaselmiamibeach #artbaselmiami #artfair #artgallery #artwork #whatisart #isthisart #miami #miamibeach #florida #miamiflorida #mauriziocattelan #perrotin #galerieperrotin #artist #bananapeel #ducttape #artnetnews #artcollector #vippreview #artjournalism #artjournalist #openingday #artgallery #gallery #artworld

Uma publicação partilhada por Sarah Cascone (@sarahecascone) a

A sanita de seis milhões de euros

Esta artista italiano não é desconhecido do grande público a quem gosta de surpreender.

Ele foi o autor da famosa sanita feita completamente em ouro, de 18 quilates, que funciona, avaliada em seis milhões de euros. Esteve em exibição no museu Guggenheim de Nova Iorque, onde os visitantes se podiam sentar nela. Há meses foi roubada do Palácio de Blenheim, em Oxfordshire, Inglaterra, a casa onde nasceu o antigo primeiro-ministro britânico Winston Churchill.

Como referiu Perrotin nesta obra não há o perigo de roubo. Se roubarem a banana há mais no supermercado e pode criar-se novamente a instalação.


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas