Escolha as suas informações

Alemanha. Kaiserslautern dedica mês de novembro à cultura portuguesa
Cultura 2 min. 10.11.2022
Festival

Alemanha. Kaiserslautern dedica mês de novembro à cultura portuguesa

Festival

Alemanha. Kaiserslautern dedica mês de novembro à cultura portuguesa

Foto: Shutterstock
Cultura 2 min. 10.11.2022
Festival

Alemanha. Kaiserslautern dedica mês de novembro à cultura portuguesa

Lusa
Lusa
O programa do festival inclui diversas manifestações artísticas, como as artes plásticas, a poesia, a música clássica, o folclore e o fado.

A iniciativa "Novembro – Mês da Cultura portuguesa em Kaiserslautern" leva à cidade alemã da Renânia-Palatinado filmes, exposições, palestras e concertos que pretendem dar a conhecer mais sobre o contributo da comunidade portuguesa.

A ideia do festival, inteiramente dedicado à divulgação da cultura portuguesa, surgiu em outubro do ano passado, fruto de uma conversa entre Christoph Dammann, atual secretário Municipal de Cultura de Kaiserslautern, e antigo diretor artístico do Teatro São Carlos, em Lisboa, e o cônsul-geral de Portugal em Estugarda, Leandro Amado.

"Manifestei-lhe o desejo de realizar um festival de cultura portuguesa durante todo um mês (...) Passados três meses daquela conversa, a Câmara Municipal de Kaiserslautern, através da 'bürgermesterin' [presidente], Beate Kimmel, transmitiu-me a abertura camarária para acolher e apoiar este projeto", congratulou-se Leandro Amado.

"O programa inclui diversas manifestações artísticas, como as artes plásticas, a poesia, a música clássica, o folclore e o fado, que é o género musical português por excelência", destacou Amado, em declarações à agência Lusa.

A iniciativa incluiu também uma palestra dedicada à importância da língua portuguesa e do seu ensino na Alemanha, e a inauguração da exposição “O impacto económico da língua portuguesa”.

"O objetivo é sensibilizar as autoridades estaduais para a necessidade de incluírem o português no seleto grupo das segundas e terceiras línguas estrangeiras ensinadas no sistema curricular (integrado) dos liceus da Renânia-Palatinado. O português é uma língua mundial e merece ser reconhecida como tal, para benefício, em primeiro lugar, daqueles que a estudam", realçou o cônsul-geral.


Entrevista com livreiro Teo Ferrer de Mesquita. Fotografias para o jornal CONTACTO
@Rodrigo Cabrita
O baluarte da cultura portuguesa na Alemanha
Criada em Frankfurt em 1980, a TFM é a livraria portuguesa mais antiga na Alemanha. Já editou 110 obras lusófonas. O seu fundador, Teo Ferrer de Mesquita, privou com Saramago e Cardoso Pires, e encontrou nos livros a forma de fazer uma revolução sem se meter na política.

De acordo com a Agência de Estatística Oficial alemã (Destatis), nos cinco estados federados que fazem parte da jurisdição do consulado-geral de Portugal em Estugarda (Baviera, Bade-Vurtemberga, Hesse, Renânia-Palatinado e Sarre) residem 66.500 portugueses.

No entanto, este indicador diz respeito aos que possuem unicamente a nacionalidade portuguesa. Se incluídos os cidadãos com dupla nacionalidade, este universo rondaria as 92 mil pessoas.

"O elevado nível de integração da nossa comunidade, o seu caráter trabalhador e ordeiro e uma certa introspeção faz com que a nossa comunidade e a sua cultura passem às vezes desapercebidas. Por essa razão, consideramos que a realização de um programa cultural variado, como o que conseguimos organizar em Kaiserslautern neste mês, fará com que Portugal e a cultura portuguesa estejam sob os holofotes da comunicação social da Renânia-Palatinado", sublinhou o diplomata.

Além disso, destacou, este mês dedicado à cultura portuguesa deverá contribuir para o "reconhecimento do nosso país, a sua cultura e o contributo valioso que a nossa comunidade aportou para o desenvolvimento da sociedade de acolhimento, desde os primeiros fluxos migratórios, ocorridos há cerca de 60 anos".


Paul von Schönborn, 58 anos, o 8º conde da casa de Schönborn-Wiesentheid. Nasceu em Portugal.
Paul von Schönborn, o conde português da Baviera
Os Schönborn são uma das famílias nobres mais importantes da Alemanha. Há setenta anos, uniram-se por casamento à Casa Cadaval, de Portugal. Um dos descendentes nasceu em Lisboa.

A cidade de Kaiserslautern situa-se a cerca de 200 quilómetros de Estugarda. A iniciativa começa na sexta-feira, 11 de novembro, com a inauguração da exposição da pintora portuguesa Maria Cunha, que ficará patente até 30 de novembro.

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

A Direção Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas abriu candidaturas para apoios ao movimento associativo. As associações e federações das comunidades portuguesas podem candidatar-se até 31 de dezembro.
O Clube Português de Pequim (CPP) tem patente a exposição de fotografias "O Olhar dos Portugueses na China", em Pequim, no âmbito das comemorações do Dia da Língua Portuguesa e Cultura Lusófona.