Wählen Sie Ihre Nachrichten​

Lata Gouveia vence "Purple Idols"

O português Lata Gouveia e a sua banda venceram a terceira edição dos Purple Idols, no Casino de Mondorf-les-bains, na sexta-feira.

A passagem do cantor em palco durou apenas 30 minutos, mas apesar de ser um simples showcase e de Lata confiar que estava "engripado", a performance foi eléctrica, forte e contagiante de energia. Mexendo-se no pequeno palco do Purple Lounge como um verdadeiro rocker, nem as suas botas de ponta metálica à cowboy passaram despercebidas. Lata Gouveia cantou algumas das canções do seu novo álbum, escritas e compostas por si, numa voz rouca mas possuída pelo espírito do folk, com franjas a deslizar para o rock & roll, numa actuação inspirada que granjeou os favores do público e do júri.

Lata e a sua banda ganham dois dias de gravação nos estúdios Equinox e um dia para gravar um vídeoclip. "O nosso álbum 'Rádio Nights', que sai em Abril, já está gravado, mas evidentemente que fico contente com o prémio, há sempre canções novas para gravar. Vamos gravar o primeiro vídeo-clip do álbum neste domingo [ 20 de Janeiro, n.d.R.] , que vai estar disponível no meu canal no Youtube brevemente, mas com este prémio vamos poder gravar um segundo vídeo para promover o álbum", confia Lata Gouveia ao CONTACTO.

"Fico um pouco embaraçado por me darem mais valor a mim do que aos outros, porque na música não há vencedores e perdedores, as bandas tinham estilos diferentes e não há comparações a fazer. Claro que estou contente por as pessoas terem apreciado. É uma vitória doce-amarga, porque soube hoje que um grande amigo meu tinha falecido" (no final do mini-concerto, Lata dedicara a actuação ao músico norte-americano Dub Cross).

O concurso de talentos organizado pelo Casino de Mondorf premiou ainda o grupo Kissa Milé (2°) e a banda de Laura Cahen (3°), ambos de Nancy (França). Os três premiados vão poder actuar num dos concertos do festival "Saveurs Culturelles du Monde", que o casino organiza entre 9 e 11 de Maio próximos e cujo presidente este ano é o músico francês Yves Duteil.

Este concerto como prémio era para Lata Gouveia um dos objectivos ao participar neste concurso, "chegar entre os três primeiros para ter um palco onde apresentar o álbum que sai em Abril", confiou ainda ao nosso jornal.

Os outros portugueses em concurso, os Hopesound, tiveram uma actuação também muito apreciada, mas não conseguiram ficar entre os três primeiros na votação do júri.

José Luís Correia / Foto: Manuel Dias